Futebol/Campeonato Espanhol - ( - Atualizado )

Barcelona decide o clássico da Catalunha em meia hora: 4 a 0

Barcelona (Espanha)

O Barcelona precisou de apenas meia hora para golear o Espanyol, seu rival na Catalunha, neste domingo. A goleada por 4 a 0 no clássico realizado no Camp Nou foi construída por Xavi, Pedro (2) e Messi (de pênalti) nos primeiros 30 minutos de jogo e manteve o mais famoso dos times catalães tranquilo na liderança do Campeonato Espanhol.

Com o resultado, o Barcelona chegou aos 52 pontos ganhos, com larga vantagem sobre os seus concorrentes – o grande rival Real Madrid, por exemplo, está na terceira colocação com 36. Já o Espanyol permanece na zona de rebaixamento, totalizando somente 15.

Conforme a tabela da competição indicava, o Barcelona se mostrou muito superior ao Espanyol desde o início do jogo deste fim de semana. Aos nove minutos, o time da casa começou a rodar a bola ao seu melhor estilo, da direita (onde estava o brasileiro Daniel Alves) à esquerda do campo para envolver o adversário. Iniesta, então, rolou rasteiro para Xavi empurrar para a rede.

Aos 15, o Barcelona partiu em velocidade para chegar ao segundo gol. Messi acionou Fábregas, que avançou à linha de fundo pela esquerda e rolou a bola para trás. O astro argentino arrematou, e Pedro apareceu para dar o desvio final e acabar com as chances de defesa do goleiro Casilla.

Aos 26, Pedro recebeu lançamento longo, correu e encobriu o arqueiro para anotar novamente. Pouco depois, Casilla cometeu pênalti em Fábregas. Messi se encarregou da cobrança e conferiu aos 30 minutos, a um dia de a Fifa anunciar o vencedor da Bola de Ouro como melhor jogador do mundo.

AFP
Messi converteu pênalti para fechar a goleada do Barcelona a um dia de a Fifa anunciar o vencedor da Bola de Ouro
No segundo tempo, já com a goleada no placar, o Barcelona diminuiu o ritmo. Pedro ainda teve um gol anulado após receber assistência de Messi, por impedimento. E o Espanyol só não descontou porque o goleiro Víctor Váldes fez grande defesa quando ficou diante do uruguaio Albín.

Retorno
Um dos destaques da vitória do Barcelona sobre o Espanyol não estava dentro de campo. O técnico Tito Vilanova voltou a comandar a sua equipe do banco de reservas após ser operado para a retirada de um tumor na glândula parótida.

Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade