Futebol/Copa da Itália - ( - Atualizado )

Com Robinho fora do banco, Milan cai diante da Juve na prorrogação

Turim (Itália)

De volta ao Milan depois de passar as festas de fim de ano no Brasil e ter as negociações com Santos, Flamengo, Grêmio e Atlético-MG frustradas pelo interesse do Milan em mantê-lo, Robinho não ficou nem no banco de reservas nesta quarta-feira, quando o Milan decidiu uma vaga nas semifinais da Copa da Itália contra a Juventus. Sem o brasileiro em campo, o time rossonero suportou no tempo normal, mas acabou eliminado na prorrogação, perdendo por 2 a 1, gols marcados por Giovinco e Vucinic - El Shaarawy havia aberto o placar para os visitantes.

Como a Copa da Itália é decidida em jogo único, a equipe que vendeu Alexandre Pato ao Corinthians não terá como reverter o resultado. O adversário da Juventus nas semifinais será a Lazio, que derrotou o Cagliari por 3 a 0 na última terça-feira, com direito a dois gols marcados pelo brasileiro Hernanes. As partidas ocorrerão nos dias 21 e 28 de janeiro. Na outra chave, os semifinalistas sairão dos confrontos entre Inter de Milão e Bologna e Fiorentina e Roma.

Dentro de campo, o Milan começou exercendo domínio, mas não conseguiu manter o controle das ações durante todo o primeiro tempo. Logo aos seis minutos, Boateng invadiu a área com a bola dominada e recuou para El Shaarawy, que fintou os defensores da Juve com o corpo e bateu forte, no canto direito do goleiro Storari, que não alcançou.

Apenas seis minutos depois de o Milan abrir o placar em Turim, Giovinco empatou com uma cobrança de falta perfeita, sem chances de defesa para Amelia. Atual líder do Campeonato Italiano, a Juventus passou a demonstrar sua superioridade a partir do momento em que igualou a contagem. Confiante e com mais opções de jogada que seu adversário, o time desperdiçou uma série de oportunidades, inclusive com Giovinco, que foi um dos melhores jogadores em campo.

AFP
Jogando em Turim, o Milan não foi capaz de superar Vucinic - o mesmo responsável pela eliminação de 2012
Sem aproveitar as chances, a Juve deixou para decidir o embate na prorrogação. Aos três minutos do primeiro tempo, De Ceglie invadiu a área com a bola dominada e fez o passe para Vucinic, que tirou do goleiro Amelia e marcou o gol da vitória do time da casa. Em 2012, as duas equipes se encontraram nas semifinais e, também sem Robinho, o Milan foi eliminado por um 2 a 2, com o gol do empate da Juventus marcado justamente por Vucinic.

Agora eliminado da Copa da Itália, o Milan busca a reação no próximo domingo, às 17h45 (de Brasília), contra a Sampdoria, pelo Campeonato Italiano. A Juve também terá sua missão fora de casa, no domingo, contra o Parma.

Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade