Futebol/Bastidores - ( - Atualizado )

Guardiola terá R$ 760 milhões à disposição para reforçar o Bayern

Munique (Alemanha)

A possibilidade de Pep Guardiola ter êxito como técnico do Bayern de Munique ainda é uma incógnita, mas dinheiro para que ele monte um time competitivo não faltará. Nesta quarta-feira, o presidente do clube bávaro, Uli Hoeness, anunciou em uma reunião de acionistas que colocará 278 milhões de euros (cerca de R$ 760 milhões) à disposição do treinador para serem investidos em reforços na próxima temporada.

O montante dá continuidade à filosofia de aumentar os gastos em contratações, implantada gradativamente pelo Bayern ao longo dos últimos meses. A própria vinda do treinador, por exemplo, faz parte dessa estratégia. A imprensa europeia calcula que Pep irá receber na Alemanha cerca de 17 milhões de euros (aproximadamente R$ 46 milhões) anuais. No começo da temporada, a cúpula bávara já havia desembolsado 40 milhões de euros (R$ 109 milhões) pela vinda do volante Javi Martínez, vindo do Athletic Bilbao.

Curiosamente, no Barcelona, Guardiola trabalhou com um elenco formado, em sua maioria, por jogadores vindos da categoria de base do clube, como Messi, Iniesta, Puyol e Xavi. O treinador só assumirá o comando do Bayern, no entanto, no começo da próxima temporada, quando o atual técnico Jupp Heynckes deixará o clube.

Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade