Futebol/Mercado - ( - Atualizado )

Sem Pato, Milan descarta Balotelli e diz que não busca reposição

Milão (Itália)

A venda de Alexandre Pato ao Corinthians, por R$ 40,5 milhões (15 milhões de euros), não motivou a diretoria do Milan a buscar reposição para o setor ofensivo. Mesmo com a possibilidade de acertar com Mario Balotelli, que está em litígio com o Manchester City, o vice-presidente Adriano Galliani descarta qualquer reforço ‘rodado’ para o restante da temporada 2012/2013.

De acordo com o dirigente, responsável por negociar a transferência de Pato e vetar a saída de Robinho para Santos e Atlético-MG, únicos clubes que formalizaram proposta, o Milan pretende apostar apenas em jogadores jovens. Um dos exemplos citados por Galiani é o de Riccardo Saponara, de 21 anos, que foi contratado recentemente junto ao Empoli e se junta ao grupo em julho.

“Nós decidimos focar em jovens talentos, que sejam promissores. Explicamos isso aos nossos torcedores e acho que eles entenderam o recado. Estamos investindo em jovens em janeiro também e estamos convencidos de que vamos alcançar grandes resultados”, garantiu Galiani, rechaçando qualquer possibilidade de trazer Balotelli de volta ao futebol italiano.

Galiani deu a mesma resposta quando perguntado sobre Didier Drogba, que se impressionou negativamente com o Shangai Shenhua, da China, e está disposto a voltar ao ‘grande mercado’: “Temos cinco atacantes para poderem desempenhar duas ou três funções, então estamos bem servidos. Se apenas um jogador saísse, como foi com o Pato, já tinha dito que não buscaríamos outro”.

Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade