Futebol/Bastidores - ( - Atualizado )

Após expulsão polêmica contra Arsenal, Kompany é absolvido

Londres (Inglaterra)

O zagueiro Kompany, do Manchester City, foi absolvido de sua expulsão na partida contra o Arsenal, em que seu time venceu por 2 a 0, e está à disposição do técnico Roberto Mancini para a próxima rodada, quando seu clube entra em campo diante do Fulham.

Após dar um carrinho em Wilshere, o capitão dos Citizens foi expulso imediatamente pelo árbitro Mike Dean e o lance acabou gerando grande discussão na mídia inglesa, que acusou Dean de ser rigoroso demais. O clube de Manchester recorreu à Federação de Futebol Inglesa (FA), que considerou o lance como um choque normal.

“A bola foi dividida com oponente e em uma disputa como esta, a colisão é inevitável. Uma Comissão Regulatória Independente avaliou a decisão de campo como errada. Como resultado, a suspensão por três partidas que Kompany deveria cumprir não é mais válida. A decisão tem efeito imediato”, publicou a instituição em seu site oficial.

Mesmo vencendo o Arsenal em Londres, o que não acontecia há 37 anos, o City continua na vice-liderança, a sete pontos do rival da cidade, o United, que venceu o Liverpool e alcançou os 55 pontos no Campeonato Inglês.

AFP
Kompany foi defendido pela mídia inglesa depois de ser expulso na partida contra o Arsenal
 Johnson liberado - O volante Michael Johnson foi liberado pelo City também nesta terça-feira. Frequentador das noitadas inglesas, o atleta já havia criado algumas polêmicas, chegando a parar na cadeia duas vezes por dirigir bêbado.

Nesta segunda, o jogador teve uma foto publicada no twitter em que demonstrava claramente estar fora de forma.

Reprodução
As consecutivas polêmicas e contusões de Michael Johnson resultaram em sua liberação do City. (The Guardian)
 

Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade