Futebol/Campeonato Espanhol - ( - Atualizado )

Barcelona visita hospital e atrai 14 mil torcedores a treino aberto

Barcelona (Espanha)

O dia foi de festa em Barcelona. Antes de entrar em campo para disputar o clássico catalão contra o Espanyol, o clube promoveu uma visita a um hospital que atende crianças com câncer e atraiu aproximadamente 14 mil pessoas para um treinamento aberto no Camp Nou. As atividades contaram com todas as estrelas da equipe, mas não tiveram o técnico Tito Vilanova na beira do gramado.

A torcida esperava a presença de seu comandante para organizar uma homenagem nas arquibancadas do estádio. Entretanto, Vilanova achou melhor deixar o protagonismo dos trabalhos para os jogadores. Afastado do comando da equipe desde que realizou uma cirurgia para retirar um tumor maligno das glândulas salivares, o substituto de Guardiola já se reuniu com o presidente Sandro Rosell e estará no banco de reservas contra o Espanyol.

AFP
O francês Eric Abidal participou dos treinamentos realizados pelo Barcelona nesta sexta-feira
Enquanto o treinador organizava o planejamento do primeiro semestre de 2013 com o mandatário catalão, os jogadores faziam trabalhos físicos e técnicos para a alegria do torcedor que foi até o Camp Nou. O brasileiro Adriano mostrou boa recuperação de uma lesão muscular, mas deixou o treino mais cedo para ter condições de jogar neste fim de semana. Já o argentino Lionel Messi se uniu a outros atletas e distribuiu autógrafos para os torcedores que se aglomeravam na beirada das arquibancadas.

Após as movimentações desta sexta-feira, o Barcelona promoveu uma ‘ronda’ aos hospitais da cidade. Os jogadores foram divididos em grupos e distribuíram presentes aos pacientes das sete instituições escolhidas pela comissão técnica. As crianças ainda tiveram a oportunidade de tirar fotos com os seus ídolos e receberam camisas autografadas pelo elenco.

Com 49 pontos e na liderança isolada do Campeonato Espanhol, o Barcelona tem vantagem de nove pontos para o vice-líder Atlético de Madri. O rival Real Madrid continua mergulhado na crise desencadeada em seus vestiários e encontra-se a 16 de distância dos catalães. O clássico catalão contra o Espanyol será disputado neste domingo, às 16 horas (de Brasília), no estádio Camp Nou.

AFP
O brasileiro Adriano foi um dos jogadores catalães que visitaram os hospitais da cidade de Barcelona nesta sexta-feira

Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade