Futebol/Mercado - ( )

Goiás viaja para renovar com Walter e tenta ‘tirar’ peruano do Sul

Goiânia (GO)

João Bosco Luz, presidente do Goiás, embarcou na noite deste domingo para Portugal, onde tentará ampliar o vínculo do atacante Walter por mais uma temporada. Enquanto o mandatário tenta, fora do País, acertar a permanência de um dos destaques da equipe na última temporada, a diretoria trabalha em busca de mais dois reforços: o atacante Wellington Júnior, próximo de acerto, e o meio-campista peruano Júnior Ponce, cuja vinda ainda depende da resolução de uma pendência.

Aos 18 anos, Ponce é comparado pela imprensa europeia a Lucas, que deixou o São Paulo para jogar no PSG. Revelação do Alianza Lima, o meio-campista ainda vestiu a camisa do Pachuca, do México, antes de ser negociado com o Hoffenhein. O clube alemão deseja ver sua promessa em atividade e, por esse motivo, já anunciou seu empréstimo ao Pelotas, que disputa a primeira divisão do Campeonato Gaúcho em 2013.

No entanto, o jogador foi oferecido por seus empresários ao Goiás, que estuda a contratação, mas esbarra na concretização do negócio com o Pelotas, que não pretende liberá-lo de graça. O jornal peruano Líbero, em contato com os representantes de Ponce, garante que a preferência do Hoffenhein é ver o jogador emprestado por seis meses ao Esmeraldino, que apenas aguarda o posicionamento do agente Jorge Machado para definir os próximos passos.

Oficializado pelo superintendente de futebol Marcelo Segurado, Wellington Júnior tem 19 anos e defendia o Coritiba, sem ser aproveitado entre os profissionais. Nesta segunda-feira, além da tentativa de manter Walter, o Goiás promove a apresentação oficial do atacante Neto Baiano, principal reforço da equipe para 2013.

Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade