Futebol/Campeonato Paulista - ( - Atualizado )

Mais de 2 anos após pênalti em Ronaldo, ex-Cruzeiro aprova chance

Gabriel Carneiro, especial para a GE.Net São Paulo (SP)

O torcedor do Cruzeiro reclama até hoje em dia de um pênalti supostamente mal marcado do zagueiro Gil sobre o atacante Ronaldo, na reta final do Campeonato Brasileiro de 2010. O Fenômeno era, naquele momento, o principal jogador do Corinthians, que disputava o título ponto a ponto com a Raposa e também com o Fluminense, que acabou levando a taça para as Laranjeiras.

Passaram-se mais de dois anos entre 13 de novembro de 2010 e 16 de janeiro de 2013, quando o zagueiro que teria se apoiado nas costas de Ronaldo foi apresentado como novo reforço do Corinthians. Comprado por 3,5 milhões de euros (R$ 9,5 milhões) junto ao Valenciennes, da França, e antigo sonho do técnico Tite, o jogador de 25 anos garante que não pensa mais naquele lance.

Sergio Barzaghi/Gazeta Press
Gil teria cometido pênalti em Ronaldo em 2010, mas agora é jogador do Timão
“Isso é passado, agora é pensar daqui para frente, de como eu vou desempenhar meu papel no Corinthians”, disse Gil, quando questionado sobre o polêmico lance. Além do Cruzeiro, clube em que se destacou entre 2009 e 2011, Gil defendeu as cores do Americano de Campos, clube da cidade onde nasceu, no Rio de Janeiro, Atlético-GO e Valenciennes.

O jogador vinha negociando com o Timão desde janeiro de 2011, com interrupções por conta da recusa do Valenciennes. Nesta temporada, o clube francês não conseguiu segurar o zagueiro, considerado um dos melhores defensores da última temporada. “Estamos conversando tem um certo tempo, então acho que essa era a oportunidade de acertar e vir para o Corinthians para fazer o melhor”, discursa o zagueiro.

“Estou trabalhando com calma, devagarinho, para quando estar 100% poder fazer o melhor. Eu sei da cobrança de jogar no Corinthians, de trabalhar no limite, porque o clube tem tradição, está acostumado a conquistar vários títulos. Isso é bom, porque você se mantém sempre com o alto desempenho, então é fazer o melhor para provar minha qualidade”, aponta o ex-cruzeirense, em busca de um apartamento na cidade de São Paulo.

Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade