Futebol/Copa da Liga Francesa - ( - Atualizado )

Nos pênaltis, Saint-Ettiene bate Lille e vai à final da Copa da Liga

Saint-Etienne (França)

Pela semifinal da Copa da Liga da França, jogando em casa, o Saint-Ettiene pressionou o Lille durante o jogo todo, mas não conseguiu fazer o resultado no tempo regulamentar - houve empate por 0 a 0. Por ser jogo único, a decisão foi para a prorrogação, mas sem nenhum time se arriscando, se estendeu para os pênaltis. Nas cobranças, os donos da casa se deram melhor por 7 a 6 e avançaram à final da competição.

O jogo

Com o apoio da torcida, o Saint-Ettiene iniciou a partida pressionando o Lille. Durante todo o primeiro tempo, o time mandante jogou melhor, mas não conseguiu abrir o placar no Estádio Geoffroy-Guichard.

Aos 26 minutos, Mollo arriscou de fora da área e obrigou o goleiro Elana a fazer boa defesa. Três minutos mais tarde, o meia francês encontro Brandão na área, mas o brasileiro não conseguiu aproveitar o ataque. A primeira chance do Lille veio apenas aos 39, quando o meia Pedretti arriscou de longe e o atacante Roux desviou para fora.

Na volta para o segundo tempo, o Saint-Ettiene continuou melhor e quase marcou o primeiro aos cinco minutos. Após cruzamento do lateral Clerc, Aubameyang tentou completar, mas o goleiro Elana, que salvou o Lille na primeira etapa, foi mais rápido e antecipou o atacante.

A pressão dos mandantes continuou. Um minuto mais tarde, Mollo caiu na área, pediu pênalti, mas o árbitro Clément Turpin mandou seguir o jogo. Aos 13, o meia Lemoine escapou pela direita, cruzou para Brandão, mas o atacante não aproveitou novamente. A má atuação do brasileiro resultou em sua substituição, aos 20 minutos.

Apesar das chances criadas pelo Saint-Ettiene, quem chegou com mais perigo foi o Lille. Aos 43 do segundo tempo, Balmont cruzou na segunda trave, o goleiro Ruffier ficou batido no lance, mas o atacante Payet não caprichou e a bola bateu no lado de fora da rede.

Com o empate sem gols, o jogo se arrastou para a prorrogação, quando as duas equipes preferiram se arriscar. Nas poucas investidas do Saint-Ettiene, o goleiro Elana, melhor jogador na partida, continuava salvando o Lille, levando a decisão para os pênaltis.

Já nas cobranças alternadas, Gueye, do Lille, jogou por cima do gol, classificando o Saint-Ettiene à final da competição. O outro finalista sai do confronto entre Rennes e Montpellier.

Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade