Futebol/Campeonato Catarinense - ( - Atualizado )

Para Sérgio Soares, faltou 'pegada' ao Avaí contra a Chapecoense

Florianopolis (SC)

O técnico Sérgio Soares elegeu a falta de “pegada” como fator decisivo para a derrota do Avaí diante da Chapecoense, por 4 a 1, nesta quarta-feira, em jogo válido pela segunda rodada do Campeonato Catarinense.

“Nós precisamos ter uma pegada maior. A Chapecoense entrou com muito mais gana. Faltou isso para nós. Tivemos dificuldades na marcação, não conseguimos encurtar os espaços, e isso facilitou para a equipe da Chapecoense”, disse o treinador após o jogo.

Soares também pediu maior disposição dos jogadores quando não têm a posse de bola. Segundo ele, é fundamental a ajuda dos atacantes na marcação.

“Quando o jogador está sem a bola, ele tem que apertar a marcação, e não ficar só olhando, esperando o erro do adversário. A ajuda dos homens de frente na marcação também é importante para que o adversário não chegue com tanta facilidade”.

Na terceira rodada, o Avaí terá pela frente outro adversário direto na briga pelo título. O Leão joga contra o Criciúma, no próximo domingo, às 17 horas, no Estádio Heriberto Hulse.

“Agora vamos jogar contra mais um concorrente direto. O Criciúma tem um estilo diferente de jogar do da Chapecoense. Temos três dias e vamos buscar uma alternativa já para essa partida”, finalizou Sérgio Soares.

Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade