Futebol/Campeonato Paulista - ( )

Técnico viu Juventus “respeitar demais” o Palmeiras em jogo-treino

Gabriel Carneiro, especial para a GE.Net São Paulo (SP)

 

Comandante do tradicional Juventus no Campeonato Paulista da Série A2 de 2013, Claudemir Peixoto esteve na Academia de Futebol, nesta terça-feira, para empatar com o Palmeiras por 1 a 1 em jogo-treino. A partida foi dividida em três tempos, com um de 45 minutos e outros com meia hora de duração cada, sendo que o gol marcado pelo Verdão foi quando a disputa era envolvendo apenas titulares, dos dois lados.

Para Claudemir, o Moleque Travesso respeitou demais o Palmeiras no início da partida, o que pode ter motivado a desvantagem nos primeiros minutos de bola rolando. Segundo o relato do clube, o gol foi marcado por Barcos após escanteio cobrado por Ayrton e desvio de cabeça de Henrique. Nas etapas complementares, Rafael Magalhães deixou tudo igual para o time do bairro da Mooca.

“Foi um trabalho bom, porque jogamos contra uma equipe grande, e até você se habituar a adversários de nome não tem jeito: você respeita demais. Aí tomamos o gol. Mas depois de dez minutos já aumenta a força da marcação e conseguimos um ritmo melhor. Mostramos qualidade diante de um adversário forte”, garante Claudemir Peixoto, que se impressionou apenas com a eficiência da marcação do Palmeiras na saída de bola do Juventus.

A estreia do Juventus no Campeonato Paulista da Série A2 está marcada apenas para o próximo dia 23, na Rua Javari, contra o Noroeste. Já o Verdão entra em campo domingo, às 16 horas (de Brasília), no estádio do Pacaembu, contra o Bragantino, para fazer seu primeiro jogo na elite do Estadual em 2013.

Divulgação/Site Oficial
Claudemir Peixoto comandou o Juventus em jogo-treino contra o Palmeiras, nesta terça-feira, na Academia

Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade