Handebol/Mundial da Espanha - ( - Atualizado )

Brasil faz jogo parelho, mas cai para Rússia e está fora do Mundial

Zaragoza (Espanha)

A boa campanha da Seleção Brasileira no Mundial masculino de handebol teve fim neste domingo. Comandados pelo técnico espanhol Jordi Ribera, os brasileiros fizeram jogo equilibrado, não resistiram à Rússia nas oitavas-de-final e perderam pelo placar apertado de 27 a 26.

Os grandes destaque do duelo foram o goleiro russo Igor Levshin, que fez 13 defesas e Sergei Gorbok, que anotou 11 dos 27 gols russos. Do lado do Brasil, os artilheiros foram Vinicius Teixeira e Felipe Borges, cada um saindo de quadra com seis gols.

Responsável pela reformulação no handebol masculino, Jordi Ribera lamentou a eliminação diante dos russos. O treinador, porém, exaltou o feito da Seleção, que fez a sua melhor campanha do país na história da competição.

AFP
Jordi Ribera lamentou a eliminação por um gol para a Rússia, mas comemora boa campanha brasileira no Mundial
"Quero felicitar a Rússia pela classificação. Quem diria que hoje estaríamos tristes por cair diante de uma equipe tão forte. Tivemos méritos iguais aos deles e com chances iguais de passar às quartas. A equipe teve uma entrega total durante 60 minutos, jogou com técnica e tática em momentos determinados. Nos faltou alguma coisa na defesa, talvez tenhamos sido um pouco brandos demais. Cometemos alguns erros de ataque, mas estou orgulhoso", comenta.

Agora, a Rússia aguarda a definição do duelo entre Eslovênia e Egito, que será disputado nesta segunda-feira, para saber quem será seu adversário nas quartas-de-final da competição. Os russos buscam o tricampeonato do torneio.

Na primeira fase, o Brasil ganhou da Argentina, da Tunísia e de Montenegro, e perdeu da Alemanha e da França, que ficaram com as duas primeiras colocações do Grupo A.

Foi apenas a segunda vez na história que a Seleção Brasileira masculina de handebol chegou até as oitavas-de-final de um Mundial na modalidade. A primeira oportunidade foi em 1958, quando a competição foi disputada na Suécia.

Também neste domingo, a Alemanha se classificou para as quartas-de-final do Mundial de handebol ao derrotar a Macedônia pelo placar de 28 a 23. O próximo oponente dos alemães sai do jogo entre Sérvia e Espanha, que será realizado nesta segunda.

Outra seleção europeia a levar vantagem e garantir vaga nas quartas foi a Dinamarca. Após vencer a Tunísia por 30 a 23, os dinamarqueses esperam a definição do confronto entre Hungária e Polônia para saber quem enfrenta na briga pela semi. Já a campeã olímpica França teve mais trabalho que o esperado mas conseguiu eliminar a Islândia após vitória por 22 a 21, e enfrenta nas quartas-de-final quem levar a melhor no duelo entre Croácia e Bielo-Rússia.

AFP
A Seleção Brasileira conseguiu grande feito ao passar para as oitavas-de-final, mas parou na Rússia
Confira todos os resultados do primeiro dia de disputas das oitavas-de-final do Mundial de Handebol:

Brasil 26 x 27 Rússia
Alemanha 28 x 23 Macedônia
Dinamarca 30 x 23 Tunísia
França 22 x 21 Islândia

Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade