Motor/Rally Dakar - ( - Atualizado )

Acidente com carro de apoio e táxis causa primeiras mortes do Dakar

Tacna (Peru)

Considerado um dos eventos mais perigosos do mundo, o Rally Dakar fez suas primeiras vítimas da edição 2013, na noite desta quarta-feira. Duas pessoas morreram e sete ficaram feridas em um acidente envolvendo dois táxis e um carro de apoio da competição, no Peru a 10 quilômetros da fronteira com o Chile.

Segundo a organização do Dakar, um dos táxis colidiu com o veículo de apoio e o outro capotou diversas vezes para tentar evitar uma batida. Duas pessoas do primeiro táxi, entre elas o motorista, morreram. Os sete feridos foram levados a hospitais em Tacna, no Peru.

Três ambulâncias, carros do corpo de bombeiros e da força policial peruana foram utilizados nas operações de resgate e socorro e um avião está à disposição para levar os feridos a Lima, capital do Peru. A organização do Dakar auxiliou com duas ambulâncias do rali e dois veículos de segurança.

As autoridades peruanas iniciaram um inquérito para determinar as causas do acidente, mas não há prazo para sua conclusão.

Os competidores do Dakar enfrentam nesta quinta-feira a sexta etapa, entre as cidades de Arica e Calama, no Chile. Carros, motos, caminhões e quadriciclos percorrerão 438km de especial e outros 331km de deslocamento.

Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade