Futebol - ( - Atualizado )

Kleina vê 'crianças-piratas' e chama Barcos de referência nacional

William Correia São Paulo (SP)

Barcos foi o único assunto que fez Gilson Kleina poupar críticas à diretoria em sua entrevista coletiva nesta sexta-feira. Nas férias, o técnico constatou a importância do atacante até para torcedores rivais ao ver crianças comemorando gols tapando um olho com uma mão e erguendo o outro baço. Por isso, aprovou ainda mais a renovação do jogador até 31 de dezembro de 2016 com o Palmeiras.

“Vi jovens que torcem para outros clubes imitando a imagem do pirata do Barcos na hora em que faziam gol. Isso é legal. Mostra que ele é uma referência não só dos torcedores palmeirenses, mas infantil, para os jovens que estão subindo. O Barcos é uma referência nacional”, definiu o treinador.

Sergio Barzaghi/Gazeta Press
Treinador viu torcedores de outras equipes imitarem Barcos na comemoração de seus gols
Kleina aposta bastante no atleta que marcou 28 gols em 2012, um a mais em relação ao que tinha prometido em sua apresentação, em janeiro. A diretoria também, já que elevou o seu salário a ponto de aumentar sua multa rescisória para 22 milhões de euros (mais de R$ 59 milhões) para o exterior e R$ 75 milhões para clubes brasileiros.

“Parabenizo o Barcos por sua opção. Ele está dando continuidade para ser um dos grandes ídolos dessa nova geração. Espero que tenha muito sucesso, porque é merecedor de tudo isso”, enalteceu Kleina, ciente de que o comandado cogitou não disputar a Série B do Brasileiro para seguir com boas chances de integrar a seleção argentina - e David Barcos, seu irmão e empresário, ainda não o garante no clube no segundo semestre.

Por tudo isso, o técnico foi obrigado a elogiar os dirigentes que, até agora só trouxeram o goleiro Fernando Prass e o lateral direito Ayrton como reforços. “Foi uma grande jogada da diretoria. Está promovendo um grande líder”, apostou. “Ele tem tudo para levar o Palmeiras a grandes conquistas e voltar a ter o nível que merece”, concluiu.

Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade