Futebol/Campeonato Paranaense - ( )

Paraná estreia no Paranaense com goleada por 4 a 0 sobre o Nacional

Do correspondente Luiz Felipe Fagundes Curitiba (PR)

Fechando a primeira rodada do Campeonato Paranaense 2013, o Paraná Clube fez 4 a 0 no Nacional, de Rolândia, na Vila Capanema, e assumiu a liderança da competição que estava temporariamente nas mãos do Londrina. Com o time principal, ao contrário de seus rivais, mas ainda sem contar com todos os reforços, o time paranista não deu chance ao adversário.

O Tricolor sofreu para abrir o placar, mas aos 42 minutos da etapa inicial, Ricardo Conceição pegou rebote fora da área e disparou uma bomba para o fundo das redes. Nos acréscimos, Neverton recebeu com liberdade e marcou o segundo. Depois do intervalo, em contra-ataque, aos 33 minutos, Luisinho tocou na saída do goleiro para fazer. Ainda deu tempo para Neverton, aos 46 minutos, fechar a contagem.

Na próxima rodada, o Paraná Clube encara o Toledo Colônia Work, quarta-feira, no Estádio 14 de Dezembro. Já o Nacional terá pela frente o Atlético Paranaense, no mesmo dia, no Estádio Erich George, em Rolândia.

O Jogo - O NAC tentou surpreender nos movimentos iniciais. Logo no primeiro lance, Catatau cruzou na área e Henrique afastou. Aos dois minutos, Jhonatan desviou dentro da área e a bola passou raspando a trave. Bem fechado, o Nacional buscava sair no erro paranista. Aos 10 minutos, a bola sobrou para a Generoso na área e Henrique apareceu bem para proteger.

Aos poucos o Paraná tentava equilibrar as ações, mas penetrar na defesa adversária estava difícil. Aos 18 minutos, Luisinho foi travado dentro da área e pediu pênalti. O árbitro mostrou amarelo alegando simulação. Aos 20 minutos, Neverton arriscou o chute e Vinícius desviou para escanteio. Mais uma chance para Neverton aos 26 minutos, e o camisa 1 do NAC fez boa defesa.

A resposta da equipe de Rolândia veio com Catatau, que recebeu na área e disparou o chute pra ótima intervenção de Luís Carlos. O Paraná arriscava de longe, como aos 32 minutos, em chute de Henrique, nas mãos de Vinícius. Pressão do Tricolor, aos, 37 minutos, o goleiro do Nacional salvou mais uma após petardo de Luisinho. Até que, aos 42 minutos, Ricardo Conceição pegou rebote e mandou a pancada para o fundo das redes. Nos acréscimos, Neverton pegou bonito na bola para ampliar.

Na segunda etapa, o Nacional voltou com Tcharles no lugar de Jamaica. Aos três minutos, Luisinho recebeu com liberdade e o árbitro anotou o impedimento. Aos sete minutos, Lúcio Flávio cobrou falta, a bola desviou no meio do caminho e carimbou a trave. Aos oito minutos foi a vez de Pulo Renê disparar a bomba dentro da área e acertar o poste.

O Tricolor manteve o ritmo no segundo tempo e era superior, mas não deixava de tomar alguns sustos. Aos 14 minutos, Rafinha cruzou e Luís Carlos se antecipou para evitar a conclusão de Willy. Paraná no ataque e, aos 22 minutos, Henrique de frente para o gol, chutou completamente torto.

O terceiro gol era questão de tempo e ele veio aos 32 minutos, com Luisinho, que puxou o contra-ataque e tocou na saída do goleiro para marcar. Aos 42 minutos, Willy recebeu na área e foi derrubado. Pênalti. O próprio Willy cobrou e Luís Carlos defendeu no cantinho. Ainda deu tempo para Neverton, aos 46 minutos, fechar a contagem. O torcedor saiu de campo com uma boa impressão do Tricolor, que promete um ano diferente em 2013.

Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade