Futebol/Campeonato Paulista - ( )

Na estreia de Ramírez, Ponte Preta vence dérbi quente contra Guarani

Campinas (SP)

O bom clássico de Campinas terminou com vitória da Ponte Preta sobre o Guarani, neste sábado, no Brinco de Ouro da Princesa. A equipe do técnico Guto Ferreira contou com a estreia com gol do peruano Luís Ramírez, ex-Corinthians, para construir o placar de 3 a 1 e manter a invencibilidade no Campeonato Paulista.

Em um primeiro tempo eletrizante, as equipe foram para os vestiários empatadas. A Ponte saiu na frente com William, mas Fumagalli igualou tudo com um golaço. Luís Ramírez, em lance de sorte, e Bruno Silva, garantiram a vitória alvinegra no segundo tempo.

Com sete pontos conquistados, a Macaca segue invicta no Campeonato Paulista e assume provisoriamente a liderança da competição. O Santos, que joga neste domingo, ainda pode ultrapassá-la. Vivendo situação oposta, o Bugre convive com a zona de rebaixamento e tem apenas um ponto em três partidas.

Na próxima rodada, as equipes jogam novamente em Campinas. Na quarta, a Ponte Preta recebe a o Oeste, no Moisés Lucarelli. O Guarani joga no dia seguinte, no Brinco de Ouro, contra o Bragantino.

A primeira etapa demorou alguns minutos para esquentar, mas após a primeira grande chegada do Guarani, entrou em ritmo alucinante até o intervalo. Aos 17 minutos, o atacante Siloé recebeu livre na área e só não marcou porque Edson Bastos saiu nos seus pés para fazer a defesa.

Rapidamente, a Ponte Preta respondeu. Chiquinho ganhou na velocidade pela ponta direita, mas tocou muito fraco para o meio da área, onde estava William. Leandro Souza, na recuperação, chegou antes para fazer o corte.

O esboço de gol alvinegro se concretizou aos 28 minutos, com nova conexão entre a dupla de ataque alvinegra. Dessa vez pela ponta esquerda, Chiquinho teve tempo de se equilibrar e cruzou na medida para William completar de cabeça, no cantinho do gol de Emerson, e abrir o placar.

Com a vantagem no placar, a Ponte reverteu a superioridade bugrina e passou a dominar jogo. Com William, que por pouco não completou um rebote, e Baraka, que quase acertou uma bola no ângulo de Emerson, a equipe esteve muito próxima de ampliar, mas acabou sofrendo o empate.

Nos últimos minutos do primeiro tempo, o Guarani chegou duas vezes seguidas e Edson Bastos só conseguiu fazer um milagre. Aos 41, Eusébio, na pequena área, chutou em cima do bom posicionado goleiro. No minuto seguinte, porém, Siloé escorou de cabeça e a bola sobrou para Fumagalli completar de primeira, marcando um golaço. Bastos ainda tocou na bola, mas não impediu o empate.

A volta do intervalo trouxe as equipes nervosas à campo, o que diminuiu o qualidade técnica do jogo. Luís Ramírez, ex-corintiano, entrou aos 15 minutos para fazer sua estreia com a camisa da Ponte e foi protagonista das jogadas que decidiram a partida.

Cinco minutos após ir a campo, o peruano sofreu a falta que ele mesmo cobraria para marcar sem querer um gol de sorte. Ao cruzar na área, visando a segunda trave, o meia pegou muito forte na bola e acabou encobrindo o goleiro Emerson, que ficou no meio do caminho.

Logo em seguida, o mesmo Ramírez fez boa jogada pela meia esquerda, tirou dois jogadores e encontrou Bruno Silva na entrada da área. Da meia- lua, o volante chutou cruzado de bico e colocou a bola no cantinho para selar a vitória pontepretana.

Sem reação, o Guarani ainda veria a Ponte desperdiçar três chances consecutivas de dar números de goleada ao placar, em pleno Brinco de Ouro da Princesa.

Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade