Futebol/Bastidores - ( - Atualizado )

Adriano revela retomada de negociações e torce por acerto com Santos

Do correspondente Rodrigo Martins Santos (SP)

Mesmo após o Santos dar como encerradas as negociações para a renovação contratual de Adriano, o volante revelou que deve voltar a negociar com o clube. Preocupado com o seu futuro, Adriano espera resolver o impasse e chegar a um acordo com o Peixe, para a prorrogação do seu vínculo, que termina em agosto deste ano, com o time da Vila Belmiro.

“Não passou pela minha cabeça (conversar com outras equipes), quero ficar no Santos. Nasci e cresci aqui. Sou santista, não tenho vontade de sair. É um assunto meio chato, que eu espero que não se estenda mais. Não estou procurando nenhum clube, pois quero permanecer”, contou Adriano, que caso não chegue a um acerto com os santistas, poderá assinar um pré-contrato com outra agremiação, a partir do mês que vem.

Além da retomada de negociações com a cúpula alvinegra, o meio-campista não descarta conversar com o técnico Muricy Ramalho sobre o tema. Adriano crê que o treinador pode ter uma participação fundamental na sua permanência no clube.

“Acho que toda a conversa, com qualquer pessoa que vai ajudar, vale a pena. O Muricy é capacitado e tenho certeza que, se a conversa com o professor acontecer, vai sair algo produtivo”, analisou.

Indagado sobre a possibilidade de intervir nas negociações, Muricy não se opôs a ideia, mas lançou um aviso para Adriano. “É um pouco delicado esse tipo de situação. Se ele pede uma força, uma palavra, tudo bem. Só que eu não posso interferir na parte econômica do clube. É uma discussão antiga, eles vêm conversando há um ano. Às vezes, o jogador tem pensar um pouco nele, decidir mais as coisas e não deixar que decidam por você”, comentou.

O Santos alega ter oferecido um salário de R$ 160 mil por mês, na última proposta feita para o volante, além de se dispor a pagar R$ 500 mil de luvas. A renovação aconteceria por quatro anos. Porém, uma discussão com relação à 40% dos direitos econômicos de Adriano, também precisa ser solucionada antes da assinatura de um novo contrato.

Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade