Futebol/Amistoso - ( - Atualizado )

Em amistoso, Santos testa reforços e bate Grêmio-SP sem dificuldade

Do correspondente Rodrigo Martins São Paulo (SP)

Em seu primeiro teste no ano, o Santos estreou boa parte dos seus reforços no amistoso com o Grêmio-SP, na noite desta quarta-feira. No Pacaembu. Sem dificuldades, o Peixe venceu por 4 a 0, com gols de Neymar (de pênalti), Rafael Galhardo, Miralles e Bill.

Após esse amistoso, os santistas agora se concentram na estreia no Campeonato Paulista. Atual tricampeão estadual, o time alvinegro visita o São Bernardo neste sábado, a partir das 19h30 (horário de Brasília), no Estádio Primeiro de Maio.

O jogo – O jogo estava programado para às 20h30 (horário de Brasília), mas a diretoria do Santos optou por fazer a apresentação do elenco para a temporada 2013 antes de a bola rolar. Sendo assim, o amistoso só teve inicio às 21 horas.

Fernando Dantas/Gazeta Press
Grande contratação da temporada, argentino Montillo foi finalmente apresentado à torcida alvinegra

Logo no primeiro minuto, Neymar faz bela jogada pela esquerda e cruzou para Montillo que cabeceia para fora, a direita de Mateus.

O Grêmio-SP respondeu e quase abriu o placar, aos seis minutos. Marcio Pit bateu falta com força e a bola explodiu no travessão, assustando o goleiro Rafael.

Aos 10 minutos, o Peixe chegou com perigo, mais uma vez. Após rápida troca de passes. Montillo tocou para Neymar, que finalizou para o gol, mas a bola passou por cima da meta do time de Barueri. Com 16, a Joia fez linda jogada pela direita, escapou da marcação e cruzou para Rafael Galhardo, que cara a cara com o goleiro Mateus, chutou em cima do arqueiro do Grêmio-SP.

De tanto insistir, a equipe santista abriu o placar, aos 25 minutos. No minuto anterior, Renê Júnior tocou para Galhardo, que foi derrubado dentro da grande área e o arbitro marcou pênalti. Na cobrança, Neymar cobrou sem chances para Mateus: 1 a 0 para o Alvinegro Praiano.

Após abrir o placar, o Santos diminuiu o ritmo, procurando valorizar mais a posse de bola, procurando encontrar espaços na defesa adversária. Enquanto isso, a zaga do Grêmio-SP promovia um rodízio de faltas sobre o camisa 11 do Peixe, o que fez o árbitro distribuir alguns cartões amarelos no final do primeiro tempo.

Fernando Dantas/Gazeta Press
Neymar foi caçado pelos marcadores no primeiro tempo e já deixou seu primeiro gol em 2013
No entanto, ainda antes do intervalo, os santistas ampliaram o marcador. Aos 46, Rafael Galhardo foi acionado pela direita por Montillo e teve o seu cruzamento desviado pela defesa do Barueri, contra o próprio gol.

Para a etapa complementar, o técnico Muricy Ramalho resolveu preservar todos os seus titulares para a estreia no Paulistão, dando uma oportunidade para os reservas mostrarem serviço neste começo de temporada.

Mesmo sem o time titular, os alvinegros chegaram ao terceiro gol. Aos sete, o argentino Patito Rodriguez recebeu dentro da grande área e cruzou rasteiro para o compatriota Miralles completar para o fundo das redes.

Três minutos depois, o Santos ampliou ainda mais a sua vantagem. Bill recebeu de Patito Rodríguez, protegeu da marcação, levou para a canhota e soltou a bomba. A finalização, rasteira, entrou no canto esquerdo de Mateus.

Com uma larga vantagem de gols, o Peixe procurou aumentar o placar, mas o placar permaneceu inalterado até o apito final do árbitro.

Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade