Futebol/Campeonato Paulista - ( )

Ídolo de Victor Andrade e Gabigol, Neymar dá conselhos para dupla

Do correspondente Rodrigo Martins Santos (SP)

Maior ídolo do futebol brasileiro na atualidade, o atacante Neymar é um espelho para muitas crianças e adolescentes que sonham, um dia, jogar futebol. Mas, além disso, a Joia é exemplo para os seus colegas de Santos. Os jovens Victor Andrade, de 17 anos, e Gabriel Barbosa, o Gabigol, de 16 anos, se inspiram no camisa 11. Feliz com o reconhecimento dos novatos do Peixe, Neymar contou que procura ajudar os novatos no time principal.

“Fico feliz pelo carinho deles, por ser um ídolo e exemplo para eles. Tento passar para eles tudo o que eu já vivenciei no profissional, as dificuldades que eu tive. Sei que é difícil, a pressão que existe em cima deles. Mas para se tornarem grandes jogadores, eles têm de fazer o que gostam e amam, que é jogar bola e treinar”, disse o craque santista, de 20 anos de idade.

As histórias de Victor Andrade e Gabigol, que desde cedo são tratados como grandes promessas na Vila Belmiro, de certa forma se assemelham à trajetória de Neymar. Porém, com o enorme sucesso da Joia, o Peixe resolveu se precaver e estipulou multas rescisórias elevadas para os novos Meninos da Vila: 50 milhões de euros (R$ 131 milhões) por cada um.

Na torcida por Victor Andrade e Gabigol no elenco principal, Neymar aconselhou a dupla a não ter medo de errar. “Estou sempre vendo eles treinarem, são meninos do bem e que ainda vão aprender muita coisa. Eu errei muito e ainda vou errar bastante. Eles também vão errar e aprender para se tornarem grandes craques. Se eles se dedicarem ao máximo, as coisas boas vão acontecer”, encerrou.

Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade