Futebol/Campeonato Paulista - ( )

Muricy afirma que conversa com Neymar para tocar mais a bola

Do correspondente Rodrigo Martins Santos (SP)

Grande estrela do Santos, o atacante Neymar já fez a diferença para a sua equipe em várias oportunidades. No entanto, apesar disso e dos títulos conquistados pela Joia na Vila Belmiro, o técnico Muricy Ramalho entende que o camisa 11 do Peixe ainda precisa corrigir alguns defeitos. Na opinião do treinador, um dos principais é abusar da jogada individual, na transição entre o meio-campo e o ataque.

Segundo Muricy, Neymar precisa tocar mais a bola, pois assim irá melhorar o seu jogo e ajudar o time a ficar mais compacto em campo. “Converso desde que cheguei com ele sobre isso. O Neymar precisa melhorar a transição. Ele dá arrancadas muito velozes, só que por vezes não leva vantagem e isso é um desgaste para ele, mas que não é necessário. No setor de transição tem que fazer o mais simples, que é tocar a bola e aparecer de surpresa, na infiltração”, disse.

O comandante destacou que a Joia gosta de partir com a bola dominada para cima dos seus marcadores, especialmente diante daqueles que estão lhe marcando mais forte ou já foram advertidos com o cartão amarelo na partida. Entretanto, Muricy Ramalho garantiu que continuará cobrando uma postura diferente de Neymar.

“O pensamento quando ele pega a bola é ‘atingir’ o adversário, ainda mais quando o cara o incomoda. Ele ganha muitas bolas na arrancada, só que também perde. Insisto nisso mesmo, principalmente porque o time ainda não está bem preparado fisicamente. Estamos em um início de temporada, sem o condicionamento ideal. Quando ele faz isso, a nossa equipe se separa muito. Fica ele, o André e o Montillo na frente, com o resto lá atrás. Isso deixa os volantes, principalmente o Renê Júnior, sobrecarregados”, explicou.

Apesar do “defeito” apontado por Muricy, o atacante tem apresentado um bom rendimento neste começo de ano. Neymar já balançou as redes em três oportunidades, após dois jogos disputados no Campeonato Paulista. O camisa 11 também marcou um gol no amistoso contra o Grêmio Barueri, antes do início do Paulistão.

Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade