Futebol/Campeonato Paulista - ( )

Para ‘voar’, Jóbson estreia domingo, em jogo-treino com o Palmeiras

Gabriel Carneiro, especial para a GE.Net São Caetano do Sul (SP)

Emprestado por um ano pelo Botafogo, o atacante Jóbson está integrado ao grupo do técnico Aílton Silva e tem até data de estreia marcada com a camisa do São Caetano. No próximo domingo, em jogo-treino com portões fechados contra o Palmeiras, na Academia de Futebol, o atacante de 24 anos terá a primeira oportunidade de mostrar serviço ao novo clube às vésperas do início do Campeonato Paulista.

Treinando afastado do grupo principal do Botafogo desde que solicitou a rescisão de contrato no Grêmio-SP, o atacante já foi apontado duas vezes como possível reforço do Palmeiras, seu primeiro adversário como jogador do Azulão. Em 2012, a negociação não evoluiu , mas foi retomada nesta temporada. Quem se animou com a possibilidade foi o clube carioca, que gostaria de ver o atacante em ação na Copa Libertadores. Desta vez, o entrave foi o ‘sumiço’ dos dirigentes palmeirenses, que teriam procurado, mas depois não voltaram a se manifestar.

Gabriel Carneiro/Gazeta Press
Jóbson foi apresentado ao São Caetano depois de não acertar com Palmeiras e clubes da Europa
Outros jogadores anteriormente pretendidos pelo Verdão alegaram o mesmo problema: seus empresários foram procurados, mas o clube não evoluiu as tratativas, casos de Bruno Rodrigo, que acabou deixando o Santos para jogar no Cruzeiro, e de Rodrigo Souto, que saiu do futebol japonês e atualmente negocia com Botafogo, Vasco, Bahia e Atlético-PR. A questão é que toda contratação do Palmeiras, desde 18 de dezembro até 21 de janeiro, data das eleições presidenciais do clube, precisa da aprovação do Conselho de Orientação e Fiscalização (COF), o que dificulta o trabalho dos dirigentes.

“Eu só penso no São Caetano. Estou há quatro meses sem ver o que é bola, hoje é meu primeiro treino depois de sair do Barueri. Quero pegar forte, voltar à forma física e voar”, espera Jóbson, com foco total no Azulão: “O objetivo é classificar no Paulista, sonhar com o título, porque a gente pode, e subir no Brasileiro”.

Focado em um reinício de carreira depois de não dar certo emprestado a clubes como Atlético-MG, Bahia e Grêmio-SP, o novo reforço do Azulão aproveitou sua apresentação, realizada na tarde desta sexta-feira, no estádio Anacleto Campanella, para reafirmar seu desejo de dar certo no ABC paulista - o jogador chegou a recusar propostas do futebol europeu (PAOK-GRE e Sporting de Lisboa o procuraram) pela chance de jogar o Campeonato Paulista.

“Tenho contrato no Botafogo, mas é melhor não falar. Agora é São Caetano, é Azulão. Sei que o time por pouco não subiu para a Série A em 2012. Com certeza vamos chegar longe com esse grupo bom e com esse treinador”, resumiu Jóbson, antes de participar do primeiro treino com bola na temporada.

Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade