Futebol/Copa Libertadores - ( )

Aloísio avisa aos tricolores que tem experiência em Libertadores

São Paulo (SP)

Aos 24 anos, o atacante Aloísio já tem um pouco de experiência acumulada como trunfo para fazer sucesso no São Paulo. O reforço vindo do Figueirense começou a carreira no Grêmio, atuou no futebol europeu (defendeu o modesto Chiasso, da Suíça, entre 2007 e 2008) e rodou por clubes de menor expressão até chegar ao Morumbi. No seu currículo, consta até uma participação em Copa Libertadores da América.

“Tive o privilégio de jogar a Libertadores de 2007 pelo Grêmio, mas eu era muito novo”, recordou Aloísio, pouco aproveitado na campanha que levou o Tricolor do Rio Grande do Sul ao vice-campeonato continental. “Agora, vou trabalhar ainda mais para poder colher bons frutos. Batalharei bastante para tentar fazer meus gols. É isso que quero mostrar para todos os torcedores são-paulinos”, avisou.

O novo atacante do São Paulo também não é desconhecido para parte do elenco. Aloísio atuou com Edson Silva e Maicon no Figueirense. “Eles só me falaram coisas boas e vão me ajudar muito neste começo. Sempre ouvi elogios ao São Paulo, mas o Maicon disse ainda mais. Não tem coisa igual no Brasil. Espero corresponder a toda essa confiança que depositaram no meu futebol”, declarou.

Divulgação/São Paulo FC
Aloísio disputou a Libertadores de 2007 pelo Grêmio, vice-campeão do torneio naquela ocasião
O que mais chamou a atenção da diretoria do São Paulo para contratar Aloísio, contudo, foi um feito recente. O então atacante do Figueirense marcou 14 gols no último Campeonato Brasileiro, atrás somente de Fred (20), do Fluminense, e de seu agora companheiro Luis Fabiano (17). Ele assinou contrato válido por 18 meses, com possibilidade de extensão até o final de 2017.

Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade