Futebol/Bastidores - ( - Atualizado )

Com projeto para 200 mil sócios, Juvenal exalta 5 mil em cinco dias

Tossiro Neto São Paulo (SP)

Chamado nesta quinta-feira ao palco da apresentação da nova camisa do São Paulo, o presidente Juvenal Juvêncio usou a ocasião para enaltecer a veloz adesão de torcedores ao novo programa de sócio-torcedor do clube, anunciado no sábado. Em cinco dias, mais de cinco mil pessoas teriam se associado.

"Fazemos fé de que os rendimentos deste processo se tornem os maiores de uma instituição de futebol. Há torcedores que moram longe e não têm ligação nenhuma com o clube. Com esta nova empreitada, ele terá documentos, e o valor que desembolsar retornará a ele", falou o mandatário, durante discurso de dez minutos.

"De segunda-feira a esta parte, o São Paulo já adicionou 5.300 novos sócio-torcedores ao seu quadro. Esperamos, sem falácia, 200 mil. Isso pode ser um novo oxigênio para o futebol brasileiro. Pode ser um novo momento, e espero que seja", completou, antes do desfile da nova coleção de uniformes do time.

Sergio Barzaghi/Gazeta Press
Juvenal prometeu não se alongar antes do desfile no palco, contudo fez discurso de dez minutos
O plano mais básico tem mensalidade de R$ 30 e garante preferência na compra online de até três ingressos, além de 5% de desconto na megaloja do Morumbi. O plano mais caro, Premium, custa R$ 100. Com o projeto "Movimento por um Futebol Melhor", lançado em conjunto com outros clubes, em ambos haverá descontos na compra de produtos de grandes empresas.

Na opinião do vice-presidente de marketing são-paulino, Julio Casares, a projeção de 200 mil sócios é bastante plausível. "Acredito que vá chegar nesse patamar que o presidente falou, com esse grande benefício do Futebol Melhor, em que o sócio ganha efetivamente com seu investimento", analisou o dirigente.

Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade