Futebol/Bastidores - ( - Atualizado )

Lançamento oficial confirma camisas do São Paulo que haviam vazado

Tossiro Neto São Paulo (SP)

O São Paulo lançou na manhã desta quinta-feira, no bar temático do Morumbi, sua nova coleção de uniformes, agora fornecidos pela Penalty, substituta da Reebok em parceria firmada até o fim de 2015. Apesar do tradicional suspense, as camisas de jogo são as mesmas que haviam vazado nos últimos dias.

A principal, branca com as listras tricolores na horizontal, tem mudanças básicas na gola polo em retilínea: as cores do clube ficam na parte interna do peitilho, e a sigla SPFC na parte externa. Uma estrela dourada na manga em cava reta homenageia os 20 anos da conquista do Mundial Interclubes de 1993.

O segundo modelo, sim, mudou consideravelmente. Além de uma gola V em três cores, no lugar da gola redonda toda vermelha, a manga passa a ser raglã e inteiramente preta, em vez da antiga que acompanhavam a coloração tricolor do restante da peça.

Na camisa de goleiro, a Penalty apostou em visual semelhante ao uniforme um, com cores especiais, mas sem abandonar as clássicas listras no peito. Segundo a empresa, o torcedor poderá adquiri-la em três opções de cor no decorrer do ano.

Todos os modelos trazem um selo em comemoração às duas décadas do bimundial, no canto inferior direito frontal, e estão à venda na loja virtual oficial do clube ao preço de R$ 199,99. Os modelos juvenil e feminino custam R$ 179,99, enquanto o juvenil  sai por R$ 149,99.

São Paulo e Penalty já estiveram juntos outras duas vezes, desde o início da década de 1990. Os principais títulos ganhos pelo clube com essa fornecedora de material esportivo foram Campeonato Brasileiro (91), Copa Libertadores (92 e 93) e Mundial Interclubes (92 e 93). No último contrato, a equipe venceu, dentre outros, o Torneio Rio-São Paulo de 2001.

Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade