Tênis/Aberto da Austrália - ( - Atualizado )

Djokovic ignora cansaço, derrota freguês Berdych e vai à semifinal

Melbourne (Austrália)

As 5 horas de duelo contra Stanislas Wawrinka nas oitavas de final do Aberto da Austrália parecem não ter afetado o sérvio Novak Djokovic. Apenas 48h após o duelo épico, o líder do ranking mundial voltou à quadra em Melbourne e mostrou muita disposição para derrotar o tcheco Tomas Berdych por 3 sets a 1, com parciais de 6/1, 4/6, 6/1 e 6/4, e avançar à semifinal do primeiro Grand Slam do ano.

Djokovic atuou de forma energética com bolas firmes e fundas , sobretudo nos três sets em que venceu. Berdych conseguiu complicar o sérvio na segunda parcial de partida, por conta de uma postura agressiva e golpes potentes, mas a consistência na defesa e no jogo do sérvio determinou o resultado final.

O confronto desta terça-feira foi o 13º entre Djokovic e Berdych pelo circuito profissional, com 12 vitórias do tenista sérvio. O único triunfo do tcheco ocorreu na semifinal de Wimbledon de 2010, torneio em que derrotou também Roger Federer, mas perdeu para Rafael Nadal na decisão.

Na semifinal em Melbourne, Novak Djokovic enfrenta o espanhol David Ferrer, que avançou no torneio com uma virada heroica sobre seu compatriota Nicolas Almagro. Eles já se enfrentaram 14 vezes e o sérvio leva vantagem no retrospecto do confronto direto com nove vitórias.

O líder do ranking mundial iniciou o jogo contra Berdych dando demonstrações de que a batalha com Wawrinka não o afetou. Logo no terceiro game, quebrou o serviço do tcheco e abriu vantagem. Dominando os pontos, não teve problemas para marcar 6/1 e sair na frente do placar.

O segundo set teve dinâmica diferente. Berdych adotou postura mais agressiva para não deixar Djokovic comandar as ações e a tática deu certo. Com uma quebra já no primeiro game e muita força nos golpes de fundo de quadra, ele venceu o set com 6/4 e empatou o duelo.

Mas Berdych não conseguiu manter o ritmo no restante do jogo, parte por culpa da consistência defensiva de Djokovic, que alongou os pontos e aproveitou a dificuldade de movimentação de seu adversário. O sérvio logo voltou a dominar a partida, apesar dos esforços do tcheco, venceu as parciais seguintes e selou a vitória com um ace.

AFP
Novak Djokovic correu bastante e jogou de forma enérgica para derrotar Tomas Berdych nas quartas de final

Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade