Tênis - ( - Atualizado )

Fora de torneios, Federer faz preparação intensa em Cingapura

Cidade de Cingapura (Cingapura)

Em busca de seu 18º título em Grand Slams, Roger Federer optou por preparação diferente da grande maioria dos tenistas. Alterando sua programação, o suíço não disputará torneios preparatórios para o Aberto da Austrália e faz série de treinamentos intensa em Cingapura.

"Optei por uma preparação totalmente diferente, mas estou confiante, porque me sinto mentalmente em forma e fisicamente muito bem. Tenho certeza de que farei um bom Aberto da Austrália. Estou treinando em ritmo forte e acredito que isso é muito importante para minha carreira nos próximos 12 ou 18 meses", afirma o número dois do mundo, que tem a companhia da família no país asiático.

A última partida oficial de Federer foi a decisão do ATP Finals diante de Novak Djokovic, em novembro. Em dezembro, o suíço disputou seis partidas de exibição na América do Sul. Para ele, apesar do ritmo diferente, os amistosos são importantes para mantê-lo em forma em suas férias.

"É fundamental ter um calendário que preserve minha saúde. Não é fácil obter isso num calendário que praticamente não para de janeiro até novembro. Não posso me dar ao luxo de tirar dois meses de descanso nesse período, o que custaria 10 ou 15 torneios e novos campeões surgindo", analisa.

Além de priorizar a sua condição física, Federer usa o período em Cingapura para aproveitar a família antes do inchado calendário da ATP. “Estas três semanas foram importantes para isso, depois que uma viagem de agenda muito cheia à América do Sul e uma temporada 2012 puxada. Para mim, é importante ter um tempo com a família”, exalta.

Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade