Futebol/Bastidores - ( )

Cardoso é apresentado e diz não ter problemas com mudança de posição

Salvador (BA)

Nos últimos dois dias o Vitória anunciou seis reforços: os zagueiros Marcos e Fabrício, o lateral direito Cardoso, o volante Caceres e os meias Renato Cajá e Maxi Biancucchi, primo do meia argentino Lionel Messi. O único lateral entre os reforços vestiu a camisa do Leão e avisou que está disposto a atuar em qualquer posição.

“Quando eu jogava aqui no Brasil, até por minha estatura, eu jogava como zagueiro. Aqui o lateral é aquele jogador com mais velocidade e, na Europa, eu passei a jogar nessa posição e me adaptei. Hoje jogo como lateral ou zagueiro. Tendo saúde, jogo em qualquer lugar”, declarou.

Cardoso, que estava no Alania, da Rússia, se diz ansioso para estrear no futebol brasileiro e reconhece que sua família pesou na decisão de voltar ao Brasil, apesar de ela ser economicamente menos vantajosa que continuar na Europa.

“Voltar ao Brasil num clube de elite é uma grande oportunidade. Eu saí do Brasil muito novo, então a expectativa é muito boa. Chega uma hora em que é preciso cuidar da família. Financeiramente, era melhor continuar na Rússia, mas para minha família não era”, explicou o jogador.

Divulgação
Na apresentação no Vitória, Cardoso falou que a família foi o fator determinante para sua escolha

Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade