Vôlei/Superliga masculina - ( )

Cruzeiro faz 3 a 0 no Canoas e volta à vice-liderança da Superliga

Canoas (RS)

Em pouco mais de uma hora e meia, o Sada/Cruzeiro derrotou o Canoas em sets diretos (31/29, 25/23 e 25/23), nesta quinta-feira, no Rio Grande Sul. O resultado garante à equipe mineira a manutenção da segunda colocação da Superliga masculina, logo atrás do RJX.

O placar parelho aponta o equilíbrio da partida, decidida pelo maior número de erros dos gaúchos. No primeiro set, o bom serviço do Cruzeiro acabou desequilibrando e diminuiu a qualidade do passe de Canoas.

Na segunda parcial, Wallace foi quem conseguiu colocar bons ataques no chão e anotou dois aces, encaminhando a vitória cruzeirense. Com um muitos erros novamente, Canoas acabou dando o terceiro set de presente para o Cruzeiro.

Wallace foi o melhor pontuador pra partida, com 18 pontos para o Cruzeiro. Roberto Minuzzi, pelo Canoas, marcou 10.

O resultado mantém a distância de um ponto entre Cruzeiro e RJX (28 contra 27). Essa foi a primeira derrota do Canoas em casa em toda a competição. Na próxima rodada da Superliga, o Canoas recebe outro time de mineiro, o Vivo/Minas, no sábado, para tentar se recuperar. O Cruzeiro segue a perseguição ao RJX diante do Super Imperatriz Vôlei, em Florianópolis, no mesmo dia.

Divulgação/Sada Cruzeiro
O Cruzeiro fez 3 a 0 sobre o Canoas, na primeira derrota da equipe gaúcha em casa

RJX segue líder após bater Pindamonhangaba

Em Pindamonhangaba, o RJX não teve facilidade para defender a liderança contra o time local Midia. A equipe precisou de mais de duas horas para fazer 3 a 1 (25/19, 20/25, 30/28 e 25/22) e não dar brecha para o Cruzeiro tomar a ponta da tabela.

Marcelo Fronkowiak começou a partida com Bruninho no banco, mas colocou o levantador da Seleção Brasileira em quadra para o terceiro e quarto sets. Mario Junior, que esteve afastado dos últimos três jogos, retornou à equipe.

Lucão foi o melhor pontuador do RJX, com 15 pontos marcados. Alexsandro, de Pindamonhangaba, fez 19 e foi o melhor da partida.

Os cariocas voltam a jogar pela Superliga no sábado, contra o Volta Redonda, no Maracanãzinho. Lanterna da competição com apenas uma vitória, a equipe do interior paulista joga no mesmo dia, mais uma vez em casa, contra a UFJF, de Juiz de Fora.

Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade