Atletismo/Bastidores - ( - Atualizado )

Atrás das grades, Pistorius recebe prêmio de atleta do ano

Pretória (África do Sul)

O atleta Oscar Pistorius, único suspeito de matar a namorada Reeva Steemkamp, na semana passada, segue preso aguardando julgamento, que será realizado nesta terça-feira, na África do Sul. Mesmo atrás das grades, os feitos do corredor não foram esquecidos e ele recebeu o prêmio de "atleta masculino de 2012" pelo clube Athletics Gauteng North.

Junto com a nomeação do corredor, o clube, em sua página no Facebook, enviou mensagens de solidariedade à família da vitima. A premiação feminina foi para a corredora Caster Semenya, sul-americana que conquistou a medalha de ouro no mundial de atletismo em 2009, na disputa de 800 metros.

Como a morte da modelo aconteceu na madrugada de quinta-feira, Pistorius dormiu na delegacia no mesmo dia e participou de um julgamento já na sexta-feira. Com a sessão adiada para a defesa analisar melhor as provas, a situação continua indefinida. Segundo o advogado do multicampeão, ele tem acesso à cela onde seu cliente está em todos os momentos, o que indica um tratamento diferenciado dos outros presos.

Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade