Bastidores - ( )

Brasil firma parceria com Cuba para ajudar a melhorar o esporte

Havana (Cuba)

Aldo Rebelo, ministro do Esporte, em sua visita a Cuba, nesta segunda-feira, criou um grupo que tem como finalidade a elaboração de acordos de cooperação entre os dois países. A ideia é que Cuba envie técnicos e jogadores de futebol ao Brasil para que, ao mesmo tempo em que estiverem aprendendo, possam ajudar a preparar atletas e treinadores brasileiros para os Jogos Olímpicos e Paralímpicos do Rio de Janeiro, em 2016.

Junto com Julio Christian Jimenez Molina, presidente do Instituto Nacional de Esportes, Educação Física e Recreação no país caribenho, Rebelo assinou o ato de criação do Grupo de Trabalho.

Na parte da tarde, em palestra para estudantes e professores da Universidade Manuel Fajardo, instituição especializada em cultura física e esporte, o ministro brasileiro fez uma análise do esporte no país e afirmou que pode apoiar o parceiro na área em que for preciso, mas ressaltou a evolução do futebol como uma atividade fundamental que ajudou a moldar a identidade nacional.

Já para o Brasil, o benefício na parceria com os cubanos seria o aprimoramento nos esportes de alto rendimento e nas práticas esportivas escolares e universitárias.

Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade