Futebol/Campeonato Potiguar - ( )

América-RN joga Estadual no Nazarenão, mas pode se mudar na Série B

Natal (RN)

O presidente do América-RN, Alex Padang, concedeu entrevista coletiva na manhã desta quarta-feira sobre o futuro palco dos jogos do América, que ainda era um mistério, devido aos problemas com a distância entre Natal e Goianinha e ao número de lugares do estádio para a Série B. No entanto, o dirigente afirmou que, por enquanto, o time continua a atuar no Nazarenão.

Para gerar ainda mais dúvida para o torcedor e para a diretoria, nesta terça-feira, o clube recebeu uma proposta para atuar em Ceará-Mirim, cidade mais próxima a Natal. O empresário Marconi Barretto, idealizador da parceria entre estádio e América, acredita que este passo seria importante para o Dragão chegar a construir sua própria casa.

Alex Padang, porém, não parece estar totalmente convencido dos benefícios da nova proposta e comparou essa ideia à antiga parceria do time com o estádio Machadão.

“Este ano, começamos jogando em Goianinha, mesmo. A proposta do Marconi ainda é muito confusa. Está dizendo, por exemplo, que o sócio pagará cinco reais. Isso eu jamais vou permitir. O sócio do América não deve pagar em nenhum jogo, em nenhum lugar com mando de campo nosso. Ainda têm outros detalhes que precisamos discutir, mas vamos continuar a negociar”, declarou o mandatário do clube.

Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade