Atletismo/Bastidores - ( - Atualizado )

Pistorius tentou reanimar Reeva Steekamp após tiros, diz jornal

Pretória (África do Sul)

Após atingir a namorada Reeva Steekamp com quatro tiros na cabeça e nos braços, o campeão paralímpico Oscar Pistorius tentou reanimá-la com respiração boca-a-boca. É o que garante o jornal sul-africano Beeld.

Segundo a publicação, os vizinhos e seguranças do condomínio de luxo onde o velocista vivia em Pretória entraram na casa do atleta após ouvirem os tiros. Na ocasião, se depararam com Pistorius descendo as escadas com a namorada nos braços antes de tentar reanimá-la, em uma tentativa de reverter o que havia feito.

As testemunhas afirmam que Reeva ainda respirava no momento em que o namorado tentava salvá-la. Os paramédicos chegaram logo em seguida, mas a modelo morreu no local. Pistorius alega que matou a namorada acidentalmente, após confundi-la com um ladrão. A polícia praticamente descartou a versão e trabalha com a hipótese de assassinato premeditado.

AFP
Vizinhos de Pistorius dizem que o velocista tentou reanimar Reeva Steekamp após atingi-la com quatro tiros

As investigações dos peritos na casa do velocista seguem neste sábado. Atingida por tiros, a porta do banheiro para onde Reeva teria corrido foi retirada e levada para análise que poderá ajudar a incriminar ou reforçar a versão de Pistorius.

Detido há três dias, Pistorius aguarda a visita da família e de seus advogados na prisão de Brooklyn, bairro nobre de Pretória. Segundo um policial, o atleta dormiu bem e teve noite tranquila, após chorar no primeiro julgamento do crime, nesta sexta.

Enquanto isso, o canal SABC1 inicia neste sábado a transmissão do reality-show Tropika Island of Treasure, estrelado por Reeva e outras seis celebridades sul-africanas. A exibição foi liberada pela família da modelo, que argumentou querer mostrar como ela era feliz, charmosa e vibrante.

Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade