Futebol/Campeonato Francês - ( - Atualizado )

Olympique de Marseille segura pressão e empata com Évian

Thonon-les-Bains (França)

Em busca de diminuir a desvantagem em relação ao líder do Campeonato Francês, Paris Saint-Germain, o Olympique de Marseille empatou por 1 a 1 com o Évian, neste domingo, no estádio Parc des Sports, em partida válida pela 24ª rodada. Gignac, aos seis minutos do segundo tempo, abriu o placar para o time visitante, enquanto Sagbo, sete minutos mais tarde, empatou para o clube mandante e deu números finais ao duelo.

Com o resultado obtido neste domingo, o Olympique chegou aos 43 pontos no Campeonato Francês e se manteve na terceira colocação na tabela de classificação, mas diminuiu a desvantagem em relação ao Paris Saint-Germain, que agora é de oito pontos. Em situação delicada no torneio, o Évian é o 17º colocado, com 23 pontos, e está um ponto à frente do Brest, primeiro clube dentro da zona de rebaixamento.

A equipe de Marseille segue a disputa da competição nacional no próximo sábado, às 14 horas (de Brasília), quando mede forças com o Valenciennes, no Velódrome. No mesmo dia, mas às 17 horas (de Brasília), o Évian enfrenta o Lorient, no estádio Moustoir.

AFP
O atacante Gignac marcou seu oitavo gol no Campeonato Francês, mas não conseguiu eviitar o empate

O jogo: Apesar de realizar campanha muito superior em relação ao Évian nesta edição do Campeonato Francês, o Olympique de Marseille não encontrou facilidade para superar a zaga adversária. Principal jogador do meio-campo da equipe comandada por Elie Baup, Valbuena teve chance de abrir o placar logo aos sete minutos, mas falhou no momento da finalização.

Pelo lado do time mandante, o zagueiro brasileiro Betão atuou como titular pela terceira vez consecutiva no torneio e teve bom desempenho na contenção do ataque rival. Entretanto, o Évian ofereceu pouco perigo ao Marseille e finalizou apenas em duas oportunidades durante a etapa inicial.

A história foi diferente na volta do intervalo. Aos seis minutos, o Olympique realizou bela jogada coletiva, que passou por Romao, Valbuena e Gignac. O camisa nove, pelo lado direito, arrematou sem chances ao goleiro Laquait e inaugurou o marcador no estádio Parc des Sports.

AFP
Em cobrança de pênalti, Yannick Sagbo deu números finais ao embate deste domingo

A reação do Évian não demorou a acontecer. Cinco minutos mais tarde, o atacante Khlifa invadiu a área e foi derrubado pelo lateral-direito Abdallah. O árbitro Antony Gautier assinalou pênalti e expulsou o atleta do Marseille. Na cobrança, Sagbo deslocou Mandanda e empatou o confronto.

Para recompor o sistema de marcação, Elie Baup agiu rapidamente e colocou o experiente senegalês Diawara, 34 anos, na vaga do meio-campista Amalfitano. Mesmo com a alteração, o time visitante encontrou dificuldades para conter o Évian e, principalmente, Khlifa, que usava sua velocidade para confundir os marcadores.

Apoiado pela torcida, a equipe comandada por Pascal Dupraz seguiu pressionando o Marseille até os instantes finais. O ganês Jordan Ayew, que havia entrado no lugar de Valbuena, cometeu falta em Ninkovic, aos 30 minutos, e foi expulso, deixando os visitantes com nove jogadores em campo. O goleiro Mandanda, com bom desempenho, garantiu o empate por 1 a 1 no Parc des Sports.

Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade