Futebol - ( - Atualizado )

Kleina vibra com gols sem artilheiro e se preocupa com Maikon Leite

Mogi Mirim (SP)

O técnico Gilson Kleina procurou valorizar os dois gols marcados pelo Palmeiras na primeira partida sem o artilheiro Barcos. Ele escalou outro atleta de área, Caio, e viu Márcio Araújo e Souza balançarem a rede no empate por 2 a 2 com o Mogi Mirim.

“Era melhor não ter tomado, claro, mas o importante é que a bola está entrando. A gente entende que às vezes é importante ter o goleador, mas quem faz os gols é a equipe, todo gol é creditado para toda a equipe. Não dá para pré-determinar quem vai marcar”, comentou.

Kleina acabou substituindo Caio por Souza ao longo da partida e perdeu Maikon Leite no intervalo. O camisa 7 ficou com dor na perna após um choque com Lucas Fonseca e foi substituído no intervalo, o que deixou o comandante preocupado.

Ele disse ainda não saber como vai montar o ataque na próxima quinta-feira, contra o Sporting Cristal, no Pacaembu, na estreia do palmeiras na Copa Libertadores. “Se o Maikon não for, vamos ter que ver o que fazer. Às vezes você precisa mais de transição. Às vezes, precisa de presença de área. Vamos analisar para ver o que pode ser feito.”

O técnico só sabe que não escalará três atacantes – “não tenho jogadores para isso” –, mas pode ganhar opções em outras posições. Em um jogo-treino na segunda-feira, dia de apresentação oficial de Vilson e Weldinho, Charles e Marcelo Oliveira participarão de um jogo-treino e serão avaliados.

Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade