Futebol/Mercado - ( - Atualizado )

Apresentado pelo Grêmio, Barcos fala em gols, títulos e seleção

Do correspondente Vicente Fonseca Porto Alegre (RS)

Menos de uma hora depois de desembarcar em Porto Alegre, o centroavante Hernán Barcos já foi apresentado oficialmente pelo Grêmio como novo reforço do clube para a disputa da Libertadores. Na sala de conferências do Estádio Olímpico, o argentino comentou os motivos que o fizeram deixar o Palmeiras e aceitar a proposta gremista.

“Gosto de desafios, de saber que eu venho para um clube vencedor. Um time grande, que tem a obrigação de ganhar sempre. Quero disputar coisas importantes sempre. Quero fazer as coisas bem por aqui para poder voltar à seleção da Argentina”, afirmou Barcos, convocado algumas vezes pelo técnico Alejandro Sabella no ano passado.

Barcos vestiu a camiseta número 28, mesmo número de gols marcados no ano passado pelo Palmeiras. E ele pretende repetir a dose: “espero fazer muitos gols, mas é difícil falar em números. Este ano prometi 28, o número da minha camisa. Espero cumprir”, resumiu o centroavante.

Político, Barcos afirmou que “chega para somar”, em nenhum momento se considerando titular do Grêmio. Para a sua posição, o clube conta com Marcelo Moreno, artilheiro da temporada passada, e Willian José. Ainda não está definida a data de sua estreia com a camisa azul. O certo é que não será nesta quinta, contra o Huachipato, pela Libertadores, pois ele não será inscrito em tempo hábil para o confronto com os chilenos.

Lucas Uebel/GFBPA
O centroavante argentino Hernán Barcos trocou o Palmeiras pelo Grêmio e foi apresentado no Estádio Olímpico

Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade