Futebol/Campeonato Gaúcho - ( )

Dunga valoriza vitória “difícil” do Inter no Gre-Nal deste domingo

Do correspondente Vicente Fonseca Porto Alegre (RS)

O técnico Dunga ganhou, neste domingo, seu segundo Gre-Nal em menos de um mês. Assim como no dia 3 de fevereiro, o time titular do Internacional enfrentou os reservas do Grêmio, que prioriza a Libertadores, e venceu por 2 a 1. Desta vez, a vitória serviu para classificar a equipe às semifinais da Taça Piratini, o primeiro turno do Gauchão.

Para o Capitão do Tetra, enfrentar o time titular ou suplente do rival é o que menos importa: “clássico tem que ganhar, não adianta só ser melhor. Se o Grêmio tivesse facilitado, não teria lutado tanto e tornado o jogo tão difícil quanto foi. Quando se fala em clássico, são as camisas que estão em campo, independente dos jogadores”, considera Dunga.

Para o treinador, mesmo após apenas um mês comandando o time, já é possível ver o Inter evoluindo: “acho que o nosso estilo é o futebol moderno”, destacou. Dunga também elogiou o uruguaio Forlán, autor de um gol e do passe para o outro, e D’Alessandro: “ele é a solução, e não um problema. É um jogador competitivo, líder da equipe”, disse o técnico, em relação ao argentino.

O Internacional voltará a campo no domingo, novamente no Centenário, diante do Esportivo. Caso elimine o time de Bento Gonçalves, o Colorado enfrentará São Luiz ou Caxias na decisão da Taça Piratini. Se o outro finalista for o time de Ijuí, o Inter decidirá o título do turno fora de casa.

Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade