Futebol/Campeonato Paulista - ( )

Técnico Geninho vê São Caetano inferiorizado por torcida reduzida

Bruno Ceccon São Caetano do Sul (SP)

O São Caetano perdeu as duas únicas partidas como mandante no Campeonato Paulista. Para o técnico Geninho, o pequeno número de torcedores que costuma comparecer aos jogos no Anacleto Campanella faz com que a condição de visitante seja indiferente para os rivais.

“O problema é que em São Caetano os adversários podem jogar sossegados. Não tem pressão e eles jogam como querem. É um campo neutro. Se você vai jogar em Campinas, por exemplo, a torcida da Ponte lota o campo e empurra. Isso acontece em quase todos os estádios, mas não aqui”, afirmou Geninho.

Na última rodada do Campeonato Paulista, o São Caetano tomou um gol aos 43 minutos do segundo tempo e perdeu do Bragantino por 2 a 1. Para argumentar, o comandante chegou a citar o confronto disputado no Anacleto Campanella como exemplo.

“Com o volume de jogos que conseguimos contra o Bragantino, se contássemos com 10 mil pessoas empurrando nas arquibancadas, com certeza teríamos feito o resultado. É uma situação a que o time precisa se habituar, porque isso não vai mudar”, declarou Geninho.

Djalma Vassão/Gazeta Press
O pequeno número de torcedores nos jogos dentro de casa é prejudicial para São Caetano, diz técnico Geninho
Ainda que não conte com o apoio de uma torcida numerosa, o São Caetano se vê obrigado a tomar a iniciativa nos jogos como mandante. Como os poucos fãs que frequentam o Anacleto Campanella são exigentes, muitas vezes a situação torna-se delicada para o time.

“Os torcedores que vêm são apaixonados, mas é um grupo pequeno. Talvez a torcida aqui pressione mais o próprio São Caetano do que o adversário. Como está jogando dentro de casa, o time acaba saindo mais para o jogo e se expondo para buscar o resultado”, disse Geninho.

Contra o São Paulo, o São Caetano disputa sua terceira partida pelo Paulista no Anacleto Campanella na noite desta quarta-feira, certamente com minoria nas arquibancadas. No duelo, válido pela segunda rodada do torneio, o time do ABC tentará finalmente vencer diante de seus poucos e exigentes fãs.

Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade