Futebol/Copa Libertadores - ( - Atualizado )

Buscando espaço, Aloísio se anima por ter ‘estilo de Libertadores’

Gabriel Carneiro, especial para a GE.Net São Paulo (SP)

Reserva do improvisado Douglas no ataque do São Paulo, Aloísio entrou no lugar de Paulo Miranda e teve a oportunidade de marcar o gol que fez a equipe se animar para diminuir a vantagem do Atlético-MG, nesta quarta-feira, na primeira rodada da fase de grupos da Copa Libertadores. No retorno à capital paulista após a derrota por 2 a 1, na Arena Independência, o atacante não se abateu com a derrota e garantiu que segue em busca de espaço entre os titulares, ainda mais por conta de seu estilo de jogo combativo.

“Eu vou aproveitar minhas chances da melhor maneira, trabalhar, me dedicar nos treinamentos para sempre ter chance de entrar em campo e ajudar o São Paulo”, refletiu Aloísio, antes de elogiar o adversário vitorioso e garantir foco na retomada do Tricolor: “Nós vamos conversar quando tivermos treino de novo (nesta sexta-feira, pela manhã), e o Ney Franco vai procurar nos orientar, falar onde erramos e procurar acertar. O Atlético-MG é equipe bem montada pelo Cuca, jogou um grande futebol”.

Djalma Vassão/Gazeta Press
O 'Boi Bandido' está animado para a sequência da primeira fase da Copa Libertadores
Contratado pelo São Paulo junto ao Figueirense para ser opção de Luis Fabiano como referência do ataque, Aloísio tem mostrado disposição para brigar pela vaga que foi de Lucas, hoje destaque do Paris Saint-Germain, pelos lados do campo. Atualmente, o jogador de 24 anos concorre com Douglas (o titular, respaldado por Ney Franco), Ganso e Cañete. Na sua visão, a Libertadores é uma boa competição para mostrar seu estilo de jogo e versatilidade ao comandante.

“Cheguei aqui no São Paulo falando isso, que sou um jogador de muito contato e que gosta de marcar pressão, é o meu estilo. Os jogos da Libertadores são jogos que eu gosto de jogar, tanto que tem algumas jogadas que o juiz não marca falta, só porque é Libertadores”, relatou Aloísio, no saguão do Aeroporto de Congonhas, antes de aconselhar os companheiros: “Temos que aproveitar mais essa condição, e eu principalmente, da melhor maneira”.

Os titulares do São Paulo, com Aloísio como opção no banco de reservas, voltam a jogar pela Libertadores só no dia 28, no Morumbi, contra o The Strongest. Antes disso, já entram em campo neste sábado, diante do Ituano, pela oitava rodada do Campeonato Paulista.

Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade