Futebol/Campeonato Carioca - ( - Atualizado )

Ansioso para levantar taça, Dedé não quer perder foco na decisão

Rio de Janeiro (RJ)

 

Destaque do Vasco nas últimas duas temporadas, chamado por alguns torcedores de “mito”, o zagueiro Dedé pode, pela primeira vez, levantar uma taça como capitão do Vasco. O jogador não esconde a ansiedade, mas espera não perder o foco e a determinação, manter a tranquilidade para repetir o bom desempenho diante do Botafogo e conquistar o título.

“É uma responsabilidade grande ser capitão. Sabemos o valor que terá esse título e vamos buscar essa conclusão positiva para o Vasco. Tomara que dê tudo certo. Será importante demais caso aconteça. Penso no clube e só quero ter a oportunidade de levantar a taça. Vamos entrar concentrados e buscar o nosso objetivo. Sei do valor que este título teria, vamos buscar com muita força”, destacou.

Marcelo Sadio/Divulgação/Vasco da Gama
O zagueiro admite que ainda precisa melhorar para a decisão.
Autor de um dos gols na vitória sobre o Fluminense, Dedé revela que seus companheiros não aprovaram sua “ida” a área antes de sair o gol. Foi um lance que me pediram para não ir para área, mas gritei para todos ficarem e eu ir sozinho. O Bernardo também teve mérito. Sabia que ele ia cruzar naquele lugar, tínhamos treinado. Dei um carrinho e consegui fazer o gol.

Apesar da boa apresentação, o zagueiro, que admite cobrar bastante de si mesmo, acredita que ainda precisa melhorar para a decisão do próximo final de semana. “Acho que foi um bom jogo e fiz um gol importante em uma semifinal. Penso que ainda preciso produzir mais e venho me cobrando bastante. Preciso melhorar, mas sei da minha capacidade”.

Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade