Futebol/Bastidores - ( - Atualizado )

Antônio Lopes lamenta declarações de Bivar e pede "nome aos bois"

São Paulo (SP)

As polêmicas e recentes declarações do presidente do Sport, Luciano Bivar, que revelou ter pagado pela convocação do ex-volante Leomar à Seleção Brasileira de 2001, não agradaram ao ex-técnico Antônio Lopes, que lamentou a fala do mandatário do clube pernambucano e pediu os nomes dos lobistas.

“Foi uma declaração infeliz. E, já que a deu, deveria dar nome aos bois. Quem é o lobista? Conversaram com a comissão técnica? Porque, depois ele voltou atrás e disse que não deu dinheiro, mas sim materiais. Ele não deveria se comportar dessa maneira”, receitou Lopes à Rádio Jovem Pan.

Reprodução
O ex-volante Leomar, do Sport em 2001, teria sido convocado após pagamento a uma pessoa ligada ao futebol
Auxiliar-técnico de Felipão durante a campanha para a Copa do Mundo de 2002, Lopes revelou que já orientou um processo contra Bivar. “Entrei em contato com a CBF, através do dirigente jurídico Carlos Eugênio Lopes, e fizemos uma ação. O fato vai ser apurado”, garantiu.

Lopes também rechaçou a hipótese da ‘compra’ da vaga, mesmo se tratando de um jogador tão desconhecido à época, como Leomar. “O Ricardo Teixeira orientou a comissão técnica do Leão a não convocar os jogadores que estavam na Europa, pois a Copa das Confederações não interessava”, finalizou.

Com Émerson Leão, Leomar jogou sete vezes pela Seleção: foram seis jogos pela Copa das Confederações, e um pelas Eliminatórias, competição como prioridade da entidade máxima do futebol brasileiro.

Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade