Futebol Internacional/Eliminatórias Sul-americanas - ( - Atualizado )

Após sofrer com altitude, Messi troca presentes com Evo Morales

La Paz (Bolívia)

O presidente da Bolívia, Evo Morales, presenteou o melhor do mundo, Lionel Messi, após o empate de 1 a 1 entre a seleção de seu país e a Argentina, em La Paz, pelas Eliminatórias Sul-americanas para a Copa do Mundo de 2014. O craque argentino retribuiu as gentilezas entregando a camisa que usou na partida ao mandatário boliviano.

Morales deu o tradicional poncho andino e outros objetos a Messi. O encontro entre os dois aconteceu logo depois do jogo, ainda no vestiário do estádio Hernando Siles.

Inicialmente, Morales tinha a ideia de oferecer uma cerimônia para condecorar Messi, eleito nos últimos quatro anos o melhor jogador do mundo pela Fifa. O presidente teria desistido da ideia para não causar intrigas com os jogadores bolivianos.

AFP
Lionel Messi veste poncho andino dado de presente pelo presidente boliviano, Evo Morales
Messi sofreu muito com os efeitos da altitude. O craque do Barcelona chegou a vomitar durante a partida. “É terrível jogar aqui. Quando você faz um esforço ou uma jogada de velocidade, demora muito para se recuperar”.

A Argentina é líder das Eliminatórias, com 24 pontos. Já a Bolívia está na penúltima colocação, a seis pontos do Uruguai, quinto colocado, que hoje disputaria a repescagem.

Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade