Futebol/Campeonato Catarinense - ( - Atualizado )

Avaí apresenta meia Higor, primo de segundo grau de Kaká

Florianopolis (SC)

Depois de terminar o primeiro turno do Campeonato Catarinense na sexta colocação, o Avaí se reestruturou para tentar alcançar uma posição melhor no returno. A principal mudança foi a contratação do técnico Ricardinho para o lugar de Sérgio Soares. Mas a diretoria avaiana não se deu por satisfeita apenas com a mudança no comando da equipe, e se mexeu para reforçar o elenco. Na tarde desta terça-feira, o meia Higor, emprestado pelo Fluminense, foi apresentado.

O jogador de 19 anos ficará na Ressacada até o fim deste ano, e fortalecerá o elenco para as disputas do Estadual, da Copa do Brasil e da Série B do Campeonato Brasileiro. Na chegada, o jogador lembrou o caso de Wellington Nem, que, depois de ser emprestado ao Figueirense, voltou às Laranjeiras para se tornar um dos principais jogadores do Flu.

“Quero muito ajudar o Avaí porque é o clube que me abriu as portas. Espero poder mostrar meu futebol e continuar nesta trajetória que o Fluminense teve. Quero voltar ao Fluminense com uma ascensão grande, como o Nem teve. Ele voltou muito valorizado. Não quero que seja diferente”, disse Higor.

Alceu Atherino/Divulgação/Avaí
Higor tenta seguir os passos de Wellington Nem, um dos principais nomes do time comandado por Abel Braga
Higor foi revelado nas categorias de base do Internacional. Contratado pelo Fluminense, ele se destacou com a camisa tricolor no Campeonato Brasileiro sub-20. O meia se tornou profissional no ano passado, quando fez sete partidas pela equipe principal. Primo de segundo grau de Kaká, o jogador diz nunca ter conversado com o craque do Real Madrid e da seleção brasileira.

“Nunca conversei com ele, tenho contato com o pai dele, e só. Já falaram que cheguei aonde cheguei por causa dele. Mas nem tenho contato com o Kaká”, disse Higor.

Higor se junta ao atacante Rodriguinho, que também foi emprestado pelo Fluminense. O gerente de futebol do Avaí, Júlio Rondinelli, explicou que o jogador pode também ser utilizado no time sub-20 em algumas partidas do Catarinense.

O jogador já aparece no Boletim Informativo Diário (BID) da CBF, e pode estrear pelo Leão. Ele treina com a equipe desde segunda-feira, e pode aparecer entre os relacionados já nesta quinta-feira, às 21 horas (de Brasília), contra o Guarani de Palhoça, na Ressacada.

Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade