Futebol/Bastidores - ( - Atualizado )

Avaí oficializa desistência de recontratar Silas como técnico

Florianopolis (SC)

Alvo do desejo do Avaí para assumir o cargo deixado por Sergio Soares, Silas já não faz mais parte dos planos do clube. Segundo o Júlio Rondinelli, gerente de futebol na Ressacada, as negociações com o treinador não caminharam como esperado e a contratação dele está descartada. Outros dois nomes, não revelados, ainda seguem na pauta do clube.

“Estamos trabalhando intensivamente na busca do novo treinador. A partir desse momento, o Silas deixa de ser um dos nossos alvos. Ele foi muito correto com o Avaí em todo os momentos da negociação, mas a negociação deu-se por encerrada na manhã de hoje, até por problemas pessoas que o Silas alegou”, explicou o dirigente, em coletiva concedida antes do treino da equipe.

Apesar de Rondinelli alegar que questões pessoais tenham impedido o retorno do comandante, que passou pelo Avaí entre 2008 e 2009 e em 2011, altos valores pedidos por Silas seriam os reais motivos para que as negociações não tenham dado certo. O treinador está sem contrato desde o fim do ano passado, quando deixou o AL-Gharafa, do Catar.

Com a negativa, outros dois nomes ainda estão na mira do Avaí, que pode anunciar o sucessor de Soares nos próximos dias.

Para o duelo do Campeonato Catarinense, neste domingo, às 18h30 (de Brasília), na Ressacada, contra a Chapecoense, o interino Emerson Nunes dirigirá a equipe. "Ele está confiante, seguro, tem uma grande personalidade e sabe bem o que está fazendo. Ele já está trabalhando um ano como auxiliar, conhece os atletas e temos certeza que fará um bom trabalho", disse o confiante Rondinelli.

Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade