Futebol/Campeonato Carioca - ( )

Bernardo diz que conteve choro e define Vasco como “time da virada”

Rio de Janeiro (RJ)

A vitória suada diante do Fluminense, por 3 a 2, de virada, na noite deste sábado, garantiu o Vasco na final da Taça Guanabara, primeiro turno do Campeonato Carioca. O Cruz-Maltino aguarda o vencedor do confronto entre Flamengo e Botafogo, que será neste domingo, às 16 horas, no Engenhão.

Todos os gols da partida saíram no segundo tempo. O Vasco abriu o placar, viu o Fluminense virar, mas ainda assim encontrou forças para empatar e passar novamente à frente. O meia Bernardo, que formou dupla de ataque com Eder Luis, confirmou o bom momento e marcou o primeiro gol do Gigante da Colina.

O jogador, que voltou ao Vasco após ser emprestado ao Santos em 2012, lembrou o gol marcado na penúltima partida do Campeonato Brasileiro de 2011, justamente contra o Fluminense. “Segurei emoção para não chorar de novo. Valeu a pena”. O gol nos acréscimos selou a vitória do Cruz-Maltino e adiou a decisão do título – que ficaria com o Corinthians - para o último jogo.

Marcelo Sadio/Divulgação/Vasco da Gama
Bernardo ganhou vaga de titular na vitória por 2 a 1 contra o Duque de Caxias, na última partida da primeira fase
Bernardo ressaltou o espírito vencedor do elenco vascaíno, que sofreu muitas baixas no início da temporada. Jogadores importantes como Fernando Prass, Juninho Pernambucano, Nilton e Alecsandro deixaram São Januário.

“Tivemos espirito de vencedor, de quem quer brigar, lutar. Foi uma batalha maravilhosa. O Vasco entrou em campo para brigar, fazer gols e conseguiu. Tomamos a virada, mas o Vasco é o time da virada”, disse o meia.

Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade