Futebol/Campeonato Paulista - ( - Atualizado )

Corinthians se desdobra no ano e time misto ganha apoio de Paulinho

Edoardo Ghirotto, especial para a GE.Net São Paulo (SP)

A dificuldade de se conciliar duas competições após  pré-temporada reduzida do Corinthians é o principal desafio de Tite em 2013. Com a obrigação de alcançar boas campanhas no Paulista e na Libertadores, o comandante vem organizando um rodízio entre os titulares e deixa clara a sua preferência em dar oportunidade a todos os jogadores do elenco. A decisão é tão apoiada pelo grupo que até a escalação de um time misto no Majestoso ganha força entre os principais atletas alvinegros.

O clássico diante do São Paulo está marcado para este domingo, no estádio do Morumbi. No entanto, a prioridade da comissão técnica será a partida de quarta-feira, contra o Millonarios, na Colômbia. Sem se importar com o que os tricolores pensariam de uma equipe repleta de reservas corintianos, Paulinho valorizou a qualidade técnica de todo o plantel e pediu para a torcida dar um voto de confiança ao planejamento traçado por Tite.

Fernando Dantas/Gazeta Press
Paulinho ainda não conversou com Tite sobre a sua participação no Majestoso de domingo
“Os adversários podem pensar que uma equipe com Ralf e Alexandre Pato é melhor do que um time reserva. Mas nós não temos isso aqui dentro. Sabemos que todos os jogadores podem dar conta do recado e o Tite sempre coloca que todos terão a sua oportunidade de iniciar um jogo como titular. O nosso dever é estar preparado para quando essa chance aparecer, agarrar da melhor maneira possível”, destacou o volante.

Paulinho passou pelo departamento médico nos últimos dias para tratar de uma lesão sofrida na coxa esquerda. O problema físico chegou a tirar o jogador dos dois últimos amistosos da Seleção Brasileira e colocou a sua participação no clássico em dúvida. Mesmo recuperado da contusão, o atleta ainda não conversou com Tite sobre a possibilidade de voltar aos titulares já no Majestoso deste fim de semana.

“Eu ainda não falei com o professor sobre isso, mas posso garantir que estou à disposição se ele realmente precisar de mim”, comentou o atleta, substituído por Guilherme nas últimas rodadas do Paulistão. Se a comissão técnica julgar conveniente a preservação de Paulinho para o duelo com o Millonarios, o volante garante que acatará as ordens e torcerá para que o seu suplente possa ter uma atuação de destaque no clássico.

“Quero jogar estas duas partidas. Eu vim de uma lesão, mas preparado para jogar se o professor quiser contar comigo. O Corinthians também tem um grande elenco e quem entrar em campo vai dar conta do recado. Estou à disposição e tenho condições de jogo para ajudar o Tite nestes duelos”, concluiu.

Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade