Futebol/Campeonato Paranaense - ( - Atualizado )

Em casa, Coxa vence o Cianorte por 2 a 0 e desencanta no returno

Do correspondente Luiz Felipe Fagundes Curitiba (PR)

O Coritiba desencantou no returno do Campeonato Paranaense 2013 após três rodadas e venceu o Cianorte por 2 a 0, no Estádio Couto Pereira. Com grande apresentação de Alex, especialmente no segundo tempo, o time alviverde garantiu os três pontos, chegando aos cinco, na quarta colocação, aguardando todo o restante da rodada.

Depois de passar os 45 minutos iniciais em branco, o Coxa retornou do intervalo com mais disposição e, aos seis minutos, após troca de passes, Rafinha tirou o goleiro e rolou para o fundo das redes. Alex, aos 25 minutos, fez o segundo em cobrança de pênalti.

Na próxima rodada, o Coritiba enfrenta o J.Malucelli, quarta-feira, no Ecoestádio Janguito Malucelli, em Curitiba. Já o Cianorte terá pela frente o Operário, de Ponta Grossa, no mesmo dia, no Estádio Albino Turbay.

O jogo – As ações ficavam restritas ao meio-campo nos minutos iniciais, com muita marcação, especialmente pelo lado do Leão do Vale. Aos nove minutos, Rafinha cruzou na medida para Júlio César, que desviou em cima da defesa e ganhou escanteio. No lance seguinte, Gil encontrou Robinho em ótima posição, mas Paes, esperto, interceptou e evitou a conclusão.

O Cianorte apareceu no ataque as 12 minutos, em um chute forte de Paulinho que Vanderlei defendeu firme. Aos 16 minutos, foi a vez de Tirone testar o goleiro coxa-branca, também sem sucesso. Aos 19 minutos, Alex recebeu bola açucarada para o chute e carimbou a defesa. Na sobra, Eltinho isolou. Aos poucos o Alviverde achava espaço e começava a criar suas oportunidades.

Robinho chegou perto aos 23 minutos, em rápido contra-ataque que terminou com a bola explodindo na trave. Aos 28 minutos, Leandro Almeida deixou a defesa e apareceu de surpresa na frente para chutar e obrigar Paes a fazer boa defesa. Na resposta, aos 37 minutos, Jovane mandou uma pancada, Vanderlei espalmou e a bola ainda tocou na trave antes de sair. Aos 44 minutos, Alex arriscou chute por cobertura e por pouco não fez um golaço.

Para a segunda etapa, as equipes retornaram com as mesmas formações. Porém, o Alviverde mostrava outra disposição. Aos quaro minutos, Alex chutou colocado e Paes operou um verdadeiro milagre. Mas, dois minutos depois, não teve perdão. Troca de passas no ataque coxa-branca, Rafinha recebeu, fintou o goleiro e bateu para o fundo das redes para abrir o placar. O Leão do Vale tentou responder rápido e, aos sete minutos, Dedoné chutou para defesa de Vanderlei. Na cobrança do escanteio, Digão carimbou o travessão.

A partida voltou movimentada depois do intervalo. Aos 13 minutos, Alex serviu Robinho, que chutou na trave. No rebote, Júlio César conseguiu perder o gol com tudo escancarado a sua frente. Alex, em grande jornada, tentou mais uma vez a cobertura, aos 15 minutos, e Paes segurou a bola o ar.

Rafael Silva, que havia entrado poucos minutos antes, entrou na área e foi derrubado por Maurício, aos 24 minutos, Pênalti marcado. Alex cobrou e fez o segundo. O Cianorte, que estava em recuperação na competição, começava a se preocupar novamente com a proximidade da zona de rebaixamento e buscava reação. Aos 32 minutos, Dedoné chutou da entrada da área, para fora. Aos 41 minutos, Tairone mandou um petardo e Vanderlei defendeu para garantir o resultado.

Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade