Futebol/Liga dos Campeões da Europa - ( - Atualizado )

Estrelado, Galatasaray desafia vantagem do Schalke na Alemanha

Gelsenkirchen (Alemanha)

Com um golaço do artilheiro Burak Yilmaz e o empate anotado pelo alemão naturalizado norte-americano Jones, Galatasaray e Schalke 04 ficaram só no empate por 1 a 1, no último dia 20, pela abertura da fase de oitavas de final da Liga dos Campeões da Europa. Nesta terça-feira, em Gelsenkirchen, os donos da casa buscam aproveitar a vantagem de atuar na Alemanha na tentativa de espantar os sonhos continentais do estrelado adversário turco.

De olho na classificação para as quartas de final, condição que não atinge desde a temporada 2000/2001, o Galatasaray apostou alto nesta temporada, contratando jogadores que tiveram sucesso em edições anteriores da principal competição continental. Da Inter de Milão de 2009/2010 veio Sneijder, por 7,5 milhões de euros (cerca de R$ 20 milhões). Do Chelsea, campeão dois anos depois, após passagem pelo futebol chinês, veio o marfinense Didier Drogba.

AFP
Confiante na classificação e ocupando a artilharia da Liga dos Campeões, Burak Yilmaz posou ao lado de Fatih Terin
As duas estrelas do Galatasaray foram foco das atenções na Turquia e tiveram bom rendimento no primeiro jogo das oitavas de final, principalmente na etapa inicial. Sneijder deixou a partida contra o Schalke 04 no intervalo, mas Drogba seguiu em campo e não conseguiu render o esperado pelo experiente técnico Fatih Terin. Depois de abrir o placar com Burak Yilmaz aos 11 minutos, o time turco cedeu o empate aos 44.

Líder do Campeonato Turco com quatro pontos de vantagem em relação ao Fenerbahce, que goleou o Bursaspor na última rodada, o Galatasaray vacilou neste sábado, quando as estrelas foram derrotadas pela primeira vez, com direito a pênalti desperdiçado por Drogba. Fora de casa, o adversário do Schalke 04 foi derrotado pelo modesto Genclerbirligi, que ocupa posição intermediária na tabela de classificação. Segundo o discurso do time de Istambul, o revés não tem a ver com o foco nos alemães.

AFP
Ameçado, Jens Keller comandou uma 'evolução' do Schalke nas últimas semanas
“Desde a primeira partida, quando empatamos por 1 a 1 em Istambul, o Schalke melhorou bastante, se tornou um time bem melhor. Estamos enfrentando um grande adversário, mas estou confiante que vamos vencer. Estamos vivendo experiências de derrotas, como no sábado, e acredito que isso soma para nos tornar um time ainda melhor”, aponta Terin, confiante na classificação dos turcos.

Contando com a vantagem de decidir a vaga na Veltins Arena, o Schalke 04 vem de três vitórias consecutivas pelo Campeonato Alemão, com direito a um triunfo diante do Borussia Dortmund, no último sábado. Com 39 pontos, a equipe está a 27 de distância do líder Bayern de Munique, mas ocupa o quarto lugar e busca uma das vagas na próxima edição da Liga dos Campeões. A confiança, no entanto, segue depositada na possibilidade de título já nesta temporada.

A vitória diante do Dortmund também serviu para o técnico Jens Keller espantar a desconfiança a respeito de sua permanência no Schalke 04 até o final da temporada. Gerente de futebol e porta voz do clube, Horst Heldt deu crédito: “Ele mostrou que é um bom treinador e que se encaixa no clube”. Diante do Galatasaray, no entanto, Keller não contará com Huntelaar, que sofreu lesão nos ligamentos do joelho esquerdo, e nem com seu substituto Marica, que segue lesionado. Pukki deve assumir a vaga entre os titulares.

AFP
Drogba foi bem no jogo de ida das oitavas, mas não engrenou boas atuações no Campeonato Turco
Em caso de novo empate por 1 a 1, Schalke 04 e Galatasaray decidem a vaga nas quartas de final na prorrogação e, se persistir a igualdade, nos pênaltis. Se a partida empatar sem gols, o time alemão avança por ter marcado fora de casa. Com igualdade a partir de 2 a 2, os turcos é que carimbam a vaga.

FICHA TÉCNICA
SCHALKE 04 x GALATASARAY

Local: estádio Veltins Arena, em Gelsenkirchen, na Alemanha
Data: 12 de março de 2013, terça-feira
Horário: 16h45 (de Brasília)
Árbitro: Jonas Eriksson (Suécia)
Assistentes: Mathias Klasenius e Daniel Warnmark (ambos da Suécia)

SCHALKE 04: Hildebrand; Hoger, Howedes, Matip e Kolasinac; Jones, Neustadter, Farfan, Draxler e Michel Bastos; Pukki
Técnico: Jens Keller

GALATASARAY: Muslera; Sabri, Nounkeu, Semih e Riera; Felipe Melo, Selcuk, Hamit Altintop e Sneijder; Burak e Drogba
Técnico: Fatih Terin

Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade