Futebol/Copa Libertadores - ( - Atualizado )

Kleina aproveita tarde livre no Paraguai para recuperação e correção

Assunção (Paraguai)

Com a viagem de volta para São Paulo marcada para o início da noite desta sexta-feira, o grupo de jogadores do Palmeiras aproveitou a tarde livre em Assunção, capital do Paraguai, para conversar com o técnico Gilson Kleina e já iniciar a reabilitação física após a derrota por 2 a 0 diante do Libertad, nesta quinta, pela segunda rodada da Copa Libertadores.

No hotel em que está hospedado no Paraguai, o elenco realizou trabalhos físicos sob a orientação do preparador Fabiano Xhá, envolvendo alongamentos e outros exercícios em aparelhos. Logo após a atividade e o almoço, os jogadores voltaram para seus quartos, de onde saem apenas instantes antes da viagem de volta para São Paulo.

Pela manhã, o técnico Gilson Kleina havia reunido todo o grupo no salão do hotel para exibir alguns lances da derrota diante do Libertad. O objetivo do treinador é corrigir rapidamente os problemas apresentados em Assunção e já contar com soluções na próxima quarta-feira, quando viaja à Argentina para encarar o Tigre, atual vice-campeão da Copa Sul-americana.

“Conversei com os jogadores que a Libertadores é um torneio curto, que nos obriga a ter uma reação imediata. Mostrei os lances da partida contra o Libertad para corrigirmos algumas coisas e falarmos sobre o jogo”, disse o comandante, em tom de cobrança ao elenco.

Com chegada prevista ao aeroporto de Cumbica para cerca de 21 horas (de Brasília), o grupo se reapresenta à Academia de Futebol no sábado, ganha folga no domingo e já viaja na segunda-feira.

Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade