Futebol/Campeonato Inglês - ( - Atualizado )

Lampard não teme ser esquecido após uma eventual saída do Chelsea

Londres (Inglaterra)

O meia Frank Lampard está longe de renovar o seu contrato com o Chelsea. Mesmo com o vínculo se encerrando em maio deste ano, o atleta garante não ter sido procurado pela diretoria e já planeja o seu futuro longe de Stamford Bridge. A sua instável situação já gerou a cobiça do Los Angeles Galaxy, dos Estados Unidos, e, segundo o armador, uma possível transferência não iria frustrar os seus planos de seguir na seleção inglesa.

“A Inglaterra será sempre parte de qualquer decisão que eu tomar. Enquanto eu estiver disponível para jogar na seleção, farei o melhor para o grupo, seja agora ou em uma situação futura. Não creio que isso exclua nada, inclusive os Estados Unidos”, comentou o jogador.

Apesar de toda a confiança depositada em sua continuidade na equipe nacional, Lampard trata com cautela a possibilidade de se tornar o novo reforço bombástico da MLS (Liga de Futebol dos Estados Unidos). O atleta evita falar sobre qualquer acerto combinado com os seus agentes e garante estar com todas as atenções voltadas para a situação do Chelsea no Campeonato Inglês. A indefinição que paira sobre o seu futuro mantém até a oportunidade de continuar nos Blues em aberto.

AFP
O meia Frank Lampard não descartou a possibilidade de trocar o Chelsea pelo Los Angeles Galaxy
Lampard, contudo, espera que os boatos sobre o seu caso não influenciem na formação escolhida por Roy Hodgson para os jogos que a Inglaterra terá pela frente. Convocado para reforçar o time nacional nos dias 22 e 26 de março, contra San Marino e Montenegro, respectivamente, o atleta aguarda a decisão de seu comandante para tentar se encaixar no esquema tático definido para as Eliminatórias para o Mundial de 2014.

“Não conversei com o meu empresário sobre isso. Vejo jogadores mais novos que vão atuar ao redor do mundo. Se chegar um momento em que seja bom eu sair da Europa, tenho certeza de que eu conversarei com o Roy (Hodgson) sobre isso”, limitou-se a dizer o meia, que já acumula 94 partidas vestindo as cores do English Team.

Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade