Futebol/Copa Libertadores - ( )

Palmeiras não folga até enfrentar o Tigre e deve ter Souza na terça

São Paulo (SP)

A goleada de 6 a 2 do Mirassol mostrou que o time preparado por Gilson Kleina para enfrentar o Tigre, na terça-feira, no Pacaembu, está longe de ser satisfatório. Mas, antes mesmo do decepcionante resultado dessa quarta-feira, já estava definida uma preparação sem descanso até a partida, decisiva para manter o Palmeiras na Libertadores.

Nas contas feitas pelo elenco e pela comissão técnica, é necessário, ao menos, vencer os jogos como mandante diante do Tigre e do Libertad para ficar com uma das duas vagas na chave para as oitavas de final. Na missão, a boa notícia deve ser Souza, que está na fase final de recuperação de entorse no joelho esquerdo.

Nessa quarta-feira, o volante treinou normalmente com os colegas que não foram a Mirassol. O meio-campista se machucou no último dia 4 e deve cumprir a previsão de quatro semanas sem entrar em campo, ficando à disposição para o duelo de terça-feira após desfalcar a equipe por oito jogos – contando o do próximo sábado, contra o Linense.

Fernando Dantas/Gazeta Press
Volante treina normalmente com o elenco e se mostra curado de lesão no joelho esquerdo
Souza e seus colegas terão tempo para trabalhar em vez de descansar antes de encarar os argentinos. A delegação voltou de ônibus de Mirassol logo após a vexatória derrota e o elenco tem reapresentação marcada para a tarde desta quinta-feira. Os trabalhos seguem na manhã de sexta-feira e nos treinamentos de domingo e segunda-feira.

Para manter os titulares treinando, a ideia de Gilson Kleina era poupar seus principais atletas do duelo de sábado, usando só nomes que precisam de ritmo e podem ser titulares na terça-feira, como Vinicius, ou quem não pode enfrentar o Tigre, como Léo Gago e Leandro, impedidos de atuar pela Libertadores.

Um dos vetados na terça-feira e que pode jogar no sábado é Vilson. Como foi expulso na derrota na Argentina, o zagueiro cumprirá suspensão diante do Tigre e fica à disposição para sábado após se recuperar de edema na coxa direita.

Na Libertadores, o Palmeiras já fez três jogos, com uma vitória e duas derrotas, figurando em terceiro lugar no grupo 2. À sua frente estão Libertad, com oito pontos, e Sporting Cristal, com cinco, sendo que ambos tem uma partida a mais. O Tigre ocupa a última posição da chave com três pontos em nove possíveis.

Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade


Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade